Neymar admite que não gosta de assistir futebol. E filho vai pelo mesmo caminho

Reprodução/Rede Globo

O atacante Neymar pode ser o maior jogador brasileiro da atualidade. Mas isso não significa que o atleta do Barcelona seja um fanático por futebol. Em entrevista concedida nesta terça-feira (12) ao “Programa do Jô”, da Rede Globo, o jogador admitiu que gosta de futebol apenas quando está dentro de campo.

LEIA MAIS:
7 ATLETAS QUE GANHAM MAIS QUE NEYMAR E VOCÊ PROVAVELMENTE NÃO CONHECE
NEYMAR RASGA ELOGIOS PARA MESSI: “O FUTEBOL NÃO COMBINA SEM ELE”

“Eu não gosto de ver jogo de futebol. Ou eu jogo, ou não assisto”, disse o atacante, que falou também que o filho, Davi Lucca, de 4 anos, está seguindo seus passos.

“Eu estava treinando e o chamei para jogar futebol. Ele falou que não iria porque não gosta de futebol, ia mexer no tablet”, comentou Neymar.

Ausência da seleção brasileira que foi eliminada na primeira fase da Copa América Centenário, nos Estados Unidos, no mês passado, o atacante explicou também o porquê de ter optado por defender o Brasil durante os Jogos Olímpicos Rio-2016. Convocado pelo técnico Rogério Micale, Neymar será um dos três jogadores com idade superior a 23 anos – de acordo com a regra do torneio olímpico, dos 18 atletas convocados, apenas três podem ter mais do que 23 anos.

“Às vezes tem esse atrito com o clube, mas com o Barcelona correu tudo bem. Deixaram que eu escolhesse o campeonato e eu escolhi as Olimpíadas”, disse. “Foi mais ou menos uma escolha minha. O Barcelona não queria que eu jogasse as duas competições e pediu para eu escolher uma só. Então, junto com Gilmar [Rinaldi, então coordenador de seleções da CBF] e Dunga [então treinador da seleção brasileira], a gente optou pelas Olimpíadas”, completou.

Vale lembrar que o Brasil jamais conquistou a medalha de ouro no futebol dos Jogos Olímpicos. O país ficou com a prata em Londres-2012, Seul-1988 e Los Angeles-1984. Além disso, a seleção olímpica tem dois bronzes no currículo: Atlanta-1996 e Pequim-2008.



Jornalista, editor do Torcedores.com. Passagens pelos jornais Metro, O Estado de S. Paulo, Jornal da Tarde, Marca Brasil, Agora São Paulo, Diário de S. Paulo e Diário do Grande ABC.