João Schmidt sente dores, sai chorando do treino e deve desfalcar o São Paulo

João Schmidt
Reprodução/Instagram João Schmidt

O volante João Schmidt sentiu dores musculares no treino desta terça-feira (12) e provavelmente será mais um desfalque no time do São Paulo. Schmidt, que saiu chorando do treino por conta da lesão, não deve ajudar o Tricolor a reverter o resultado contra o Atlético Nacional, em Medellín.

LEIA MAIS: 

VEJA QUAIS FORAM OS REFORÇOS INDICADOS POR BAUZA PARA A SEQUÊNCIA DA TEMPORADA

PRESIDENTE DO SÃO PAULO CONFIRMA A IDA DE GANSO PARA O SEVILLA

MERCADO DA BOLA: SÃO PAULO PODE ANUNCIAR ATACANTE EX-VASCO NOS PRÓXIMOS DIAS

O técnico Edgardo Bauza já não podia contar com o meia Ganso e o atacante Kelvin, lesionados. Além dos dois, o zagueiro Maicon foi expulso no primeiro jogo da semifinal e também é desfalque certo para o duelo desta quarta-feira. Agora, sem João Schmidt, Patón deve escalar Hudson na vaga. O jogador ficou recentemente fora do time também por problemas de lesão.

“É uma pena, está com dor muscular e, talvez, eu não consiga levá-lo ao banco de reservas. É uma pena, vamos tratar ao longo da noite, mas são situações que não temos como controlar”, lamentou o técnico tricolor, em entrevista no fim do treino da noite desta terça-feira.

AUSÊNCIA DE GANSO

Bauza ainda deu indícios de que Centurión e Michel Bastos irão se revezar na vaga de Ganso. “O que o Ganso faz ninguém pode fazer. Nessa posição pode começar o Centurión, podemos trocar com Michel Bastos. Não há uma posição fixa de um jogador fixo, a ideia é que jogue um centroavante, o Calleri, e um que fique um pouco mais atrás, para fazer os dois volantes do Nacional se retraírem mais”, explicou o treinador.

Sendo assim, o time que treinou nesta terça e que provavelmente enfrentará o Atlético Nacional nesta quarta-feira (13) em Medellín é: Denis; Bruno, Lugano, Rodrigo Caio, Mena; Hudson, Thiago Mendes, Centurión; Wesley, Michel Bastos e Calleri.