Diretor do Cruzeiro fala sobre erro na súmula em cartão de Arrascaeta: ‘Nos assusta’

perfil de reforços
Foto: Washington Alves/Light Press/ Divulgação

Thiago Scuro, diretor de futebol do Cruzeiro, falou com a imprensa nesta quarta-feira (13) e o Arrascaeta esteve entre os assuntos abordados na coletiva.

LEIA MAIS:
MAIS UM REFORÇO! CRUZEIRO CONFIRMA A CONTRATAÇÃO DE EZEQUIEL
CORINTHIANS X CRUZEIRO MUDA DE DATA; TIMÃO ESTREIA EM NOVO HORÁRIO

A derrota em casa por 3 a 0 para o Atlético-PR por si só já é um problemão para o Cruzeiro administrar, mas o cartão amarelo sofrido por Arrascaeta passou a ser mais uma ‘dor de cabeça’ para a equipe celeste.

O cartão sofrido por Arrascaeta foi o terceiro e o meia terá que cumprir suspensão automática, porém a arbitragem da partida não registrou o ocorrido em súmula. Perguntado sobre o caso, Thiago Scuro se mostrou preocupado.

“Nós enviamos um comunicado à comissão de arbitragem. Não é o primeiro erro cometido em súmula. Eu pouco falo sobre arbitragem publicamente. Nós temos um contato próximo com a comissão da CBF ( Confederação Brasileira de Futebol ), a gente está tentando construir uma consistência maior, mas esse tipo de erro nos assusta, nos incomoda, se não me engano é o quarto erro de súmula em jogos do Cruzeiro, tivemos erros em substituição — entra um jogador a súmula relata outro. Temos trabalhado no sentido de melhorar a qualidade da arbitragem, ficar expondo isso publicamente não é, no entanto, uma forma de contribuir”, disse Thiago.

Mesmo sem a anotação de Anderson Daronco, árbitro do jogo, na súmula oficial da partida, divulgada pela CBF em seu site oficial, o Cruzeiro tem um documento que oficializa o cartão amarelo recebido pelo uruguaio aos 33 minutos do segundo tempo.