Bolzan relembra áudio e vitória no Gre-Nal: “Virou um tratoraço”

Grêmio
Crédito da foto: Divulgação/ Lucas Uebel/ Grêmio FBPA

O Inter até já tem novo técnico, mas uma polêmica recente protagonizada pelo antigo treinador segue dando o que falar. Enquanto Paulo Roberto Falcão faz os seus primeiros contatos com o grupo colorado e Argel Fucks reinicia o seu trabalho no Figueirense, o episódio do áudio do trator voltou a ganhar a atenção na mídia nesta quarta-feira, 13.

LEIA MAIS:

Confira as principais respostas de Falcão em sua apresentação no Inter

Presidente do Grêmio explica por que não demitiu Roger no 1° semestre

O presidente do Grêmio, Romildo Bolzan Jr, concedeu entrevista ao programa Jogando em Casa, do Esporte Interativo, nesta quarta, e falou sobre a gravação em que o ex-técnico colorado Argel Fucks falava em “passar o trator” dias antes do clássico Gre-Nal – vencido por 1×0 pelo Grêmio no Beira-Rio. O dirigente classificou todo esse episódio como “tratoraço”.

“O trator foi uma situação muito interessante porque acabou vazando o áudio do Argel e como aqui a rivalidade é extremamente intensa, culturalmente muito forte no Rio Grande do Sul, aquilo que serviu para que todos pegassem. Ainda mais o Grêmio ganhando o Gre-Nal, aquilo virou um grande tratoraço. A torcida se apoderou, se adonou e fez daquilo um grande divertimento, mas acaba por aí”.

Na semana que sucedeu a vitória do Grêmio no Beira-Rio, o tricolor esteve perto de fechar um patrocínio pontual com uma empresa de tratores, que estamparia a camisa do time apenas para o jogo seguinte contra o Figueirense. No final das contas, Bolzan vetou a proposta e explicou que isso poderia apimentar a rivalidade de forma excessiva.

“O Grêmio entendeu aquele processo e houve até algumas situações de levarmos a questão adiante a nível de marketing, mas nós resolvemos deixar no nível desportivo. Ganhamos o jogo e não vamos alimentar uma rivalidade que muitas vezes pode não levar a nada. E vida que segue”.

Confira abaixo as respostas de Romildo Bolzan Jr sobre a questão do “áudio do trator”:

 



Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Fã de esportes, sobretudo tênis. Colorado por paixão, jornalista por vocação e tenista por opção.