EUROCOPA16: os 23 convocados da Hungria

A Hungria está 30 anos sem participar de uma grande competição tanto européia quanto mundial. Já foi finalista de Copa do Mundo em 1938 e 1954, e conquistou 3 títulos olímpicos.

LEIA MAIS: UEFA DIVULGA AS SELEÇÕES DOS VETERANOS E SUB-21 DA EUROCOPA

Todas essas glórias foi graças ao ídolo húngaro e mundial Ferenc Puskás. A Hungria tenta voltar ao cenário mundial após conquista da vaga na repescagem para a Euro 2016. A seleção está no grupo F juntamente com Austria, Islândia e Portugal.
A seleção magyar tem na convocação o jogador mais velho da competição o goleiro Gábor Király com 40 anos de idade. Além de ter três pretendentes `a revelação da competição, prêmio dado aos atletas nascidos a partir de 1 de janeiro de 1994, são eles: Barnabás Bese (lateral esquerdo)com 22 anos, László Kleinheisler (meio-campista) também 22 anos e Ádám Nagy (meio – campista) com 18 anos.
Com essa mistura a Hungria vai tentar surpreender os seus adversários, o técnico da seleção Bernd Storck selecionou seis atacantes do total de 23 jogadores, assim não faltará opções ofensivas para a Hungria.

Screen Shot 2016-06-09 at 11.31.30 AM

Screen Shot 2016-06-09 at 11.31.47 AM

Convocados da Hungria para o EURO 2016
Goleiros: Gábor Király (Haladás), Dénes Dibusz (Ferencváros), Péter Gulácsi (Leipzig).
Zagueiros: Attila Fiola (Puskás Akadémia), Barnabás Bese (MTK Budapeste), Richárd Guzmics (Wisla Kraków), Roland Juhász (Videoton), Ádám Lang (Videoton), Tamás Kádár (Lech Poznań), Mihály Korhut (Debrecen).
Meio- campo: Ákos Elek (Diósgyőri), Ádám Pintér (Ferencváros), Zoltán Gera (Ferencváros), Ádám Nagy (Ferencváros), László Kleinheisler (Werder Bremen), Gergő Lovrencsics (Lech Poznań), Zoltán Stieber (Nuremberga).
Atacantes: Balázs Dzsudzsák (Bursaspor), Ádám Szalai (Hannover), Krisztián Németh (al-Gharafa), Nemanja Nikolic (Legia Varsóvia), Tamás Priskin (Slovan Bratislava), Dániel Böde (Ferencváros).

Jogos da Hungria no Grupo F
14/06: Áustria – Hungria (Bordéus)
18/06: Islândia – Hungria (Marselha)
22/06: Hungria – Portugal (Lyon)

Foto: Reprodução Site UEFA.com



Sou pai dos gêmeos Guilherme e Rafael e marido da Sabrina. Sou arquiteto e apaixonado por esportes, quase fui tenista profissional, além de tênis o futebol também é uma paixão.