Euro 2016: lesões e técnicos tiram astros do torneio; veja principais ausências

Crédito da foto: Reprodução / Twitter oficial Fábio Coentrão

Diz o ditado que a Eurocopa é a Copa do Mundo sem Brasil e Argentina. A edição deste ano, na França, terá mais faltas do que as esperadas ausências das equipes sul-americanas. O Torcedores.com selecionou as principais, falando tanto de seleções como de jogadores. Confira quem verá a competição do sofá de casa:

LEIA MAIS
EURO 2016: O GUIA DO TORCEDORES.COM PARA OS ESTÁDIOS DO TORNEIO
CAMPEÕES DA EUROCOPA TAMBÉM JOGAM! VEJA QUAIS ESTARÃO NA EDIÇÃO 2016

A primeira ausência mais profunda é a da Holanda. Mesmo atingindo um honroso 3º lugar na Copa de 2014, a equipe de Robben, Van Persie e Sneijder não conseguiu sequer ir para a repescagem do seu grupo durante as eliminatórias. Um dos maiores vexames da Laranja.

Outra ausência, essa não tão sentida, é a da Bósnia. A seleção foi para a Copa de 2014 e, apesar de não ser tão competitiva quanto a Holanda, tem jogadores conhecidos como Pjanic, Dzeko, Begovic, Lulic e Kolasinac. Poderia realizar bons jogos.

Pensando nos jogadores, vários nomes importantes não disputarão o torneio. Tantos que daria para montar uma seleção apenas com os ausentes. Os principais motivos são as lesões que inevitavelmente aparecem no final da temporada. É o caso de Varane (Real Madrid), Kompany (Manchester City) e Verratti (PSG).

Talvez o maior desfalque seja Marco Reus, do Borussia Dortmund, que é um dos grandes astros alemães. Ele não conseguirá jogar o torneio também por ter sofrido uma lesão, a exemplo do que ocorreu na Copa do Mundo no Brasil. Gündogan (Dortmund), Fábio Coentrão (Real Madrid), Chamberlain e Welbeck (Arsenal) são mais vítimas que sofrem do mesmo mal.

Outros bons jogadores não participarão da Euro 2016 em função de seus técnicos. Na França, Valbuena e Benzema foram punidos por Didier Deschamps por polêmicas extra campo. Na Espanha, Del Bosque acreditou que outros jogadores poderiam contribuir mais do que Diego Costa, Juan Mata e Fernando Torres.

O primeiro jogo da Eurocopa ocorre hoje, a partir das 16 horas (de Brasília), no Stade de France. A França, dona da casa, recebe a Romênia.



Mídias Sociais da AS Roma Brasil, MBA em Gestão Estratégica de Negócios, blogueiro desde 2007 e radialista amador. Escreve sobre futebol italiano, automobilismo e o que aparecer, mas gosta mesmo é de contar boas histórias