É PENTA! Flamengo brilha, vence o Bauru e conquista o título do NBB

Foto: Divulgação/FIBA

O basquetebol brasileiro segue com as mesmas cores: vermelha e preta. Nesta tarde, o Flamengo bateu o Bauru por 100×66 e levantou o troféu de campeão do NBB pela quinta vez.

LEIA MAIS:
Pelé no Sport? Quase! Veja essa e outras curiosidades sobre o futebol nordestino
Conheça o Llanfairpwllgwyngyll F.C., o clube de futebol com o nome mais longo do mundo
Mercado da bola: Antiga JOIA da base do Corinthians é reforço de clube da Série D
Mercado da bola: Meia campeão por Corinthians e Atlético-MG acerta com time da Série C
Saiba TUDO sobre Cartola FC

O título flamenguista foi decidido após cinco jogos. Depois de a série estar empatada em 2×2, o Flamengo mostrou sua superioridade perante ao mesmo adversário que venceu na final de 2015 e, sob o comando de Marcelinho, Marquinhos, Rafa Luz, Olivinha, Ronald Ramón e Meynisse, não deu chances para o time paulista.

Com mais esta taça conquistada, o Flamengo mantém sua hegemonia dentro do basquete nacional, com cinco títulos em oito edições de NBB – que começou a ser disputado neste formato em 2008. As outras conquistas foram do Brasília.

O JOGO

A vitória rubro-negra começou a ser definida no primeiro tempo. O Rubro-negro entrou em quadra com uma postura diferente da apresentada no jogo 4, quando foi massacrado pelo Bauru, e conseguiu conter o ímpeto ofensivo do adversário, terminando os primeiros 20 minutos por 39 x 32.

Mas foi no terceiro quarto que a vantagem da equipe rubro-negra foi ampliada. Com uma chuva de cestas de três pontos de Marcelinho e Rafa Luz, o placar subiu para 71 x 49.

No último e decisivo quarto, o FlaBasquete manteve o ritmo ofensivo e seguiu atropeltando o Bauru na segunda metade do jogo. Superior no ataque, o Rubro-negro também conseguia defender e não dava chances ao adversário, que tentava uma reação. Com isso, o resultado terminou em 100 x 66.

DESTAQUES

Com um percentual de mais de 60% de arremessos certos, o candidato a melhor sexto homem da temporada, Marcelinho Machado, foi o cestinha, com 24 pontos. Logo após, Olivinha, com 22, foi o segundo maior pontuador. Em contrapartida, o candidato a MVP, Marquinhos, anotou apenas dois.

Pelo lado do Bauru, os destaques foram o armador Paulinho Boracini, com 14 ponto e o experiente ala Alex, com 11. No entanto, insuficientes para evitar a derrota.



Baiano, 22 anos, jornalista em formação pela Universidade Jorge Amado (UniJorge). Apaixonado por esportes em geral, de preferência basquete, tênis e futebol, este último com maior fervor. Contato: victorw10@outlook.com