Corinthians receberá ajuda financeira após venda de Nilton para o futebol japonês

Inter
Ricardo Duarte / Internacional

Nesta quinta-feira, o Internacional sacramentou a venda do volante Nilton para o Vissel Kobe, do Japão, por R$ 8 milhões. Quem comemora, de certa forma, é o Corinthians já que receberá uma compensação financeira por ser o time formador do jogador, e esse valor poderá ajudar no deficit mensal do clube.

LEIA MAIS
ENQUETE: CORINTIANO, VOCÊ É A FAVOR DA SAÍDA DE CÁSSIO DO CORINTHIANS? VOTE

Isso porque o Corinthians receberá R$ 350 mil pelo mecanismo de solidariedade da FIFA por ser o clube formador de Nilton. Apesar de não ser um alto valor, as cifras ajudarão em relação ao deficits mensais do clube. Segundo Emerson Piovesan, o deficit por mês do Alvinegro é bem menor que a do ano passado já que em 2016 diminuiu R$ 2,5 milhões.

“O Corinthians está bem mais próximo do equilíbrio hoje do que na temporada passada. Tanto é que temos um déficit mensal de aproximadamente R$ 500 mil, contra mais de R$ 3 milhões por mês no ano passado”, explica o diretor de finanças do Corinthians em entrevista ao Blog do Jorge Nicola.

Nilton iniciou sua carreira no Corinthians e foi revelado pelo clube em 2006. Ficou na equipe até 2008, quando ajudou a equipe a subir para a Série A e foi vendido para o Vasco da Gama.



Jornalista. Como todo torcedor também gosto de dar meus pitacos. Fã da seleção italiana, do Milan e do Arsenal.