Bebeto diz que não acompanha mais a seleção depois do 7 a 1 de 2014: “Fiquei traumatizado”

Crédito da foto: Getty Images/Arquivo

O 7 a 1 da seleção brasileira sobre o Haiti na quarta-feira (8) pela segunda rodada da fase de grupos da Copa América Centenário não empolgou torcedores, jornalistas, tampouco ex-jogadores que vestiram a camisa verde e amarela no passado. Um deles é o ex-atacante Bebeto, que brilhou no tetracampeonato na Copa do Mundo de 1994, que sequer sabia do resultado.

VEJA MAIS
COPA AMÉRICA: SAIBA QUAL SERIA A PONTUAÇÃO DO GOLEIRO DO HAITI NO CARTOLA FC
RELEMBRE A ÚLTIMA GOLEADA DO BRASIL EM COPA AMÉRICA ANTES DO 7 A 1 NO HAITI
BRASIL X HAITI: CONFIRA OS MELHORES MOMENTOS DO JOGO PELA COPA AMÉRICA
TORCEDORES CRITICAM PARTICIPAÇÃO DE LUCIANO HUCK DURANTE JOGO DO BRASIL NA GLOBO

O motivo: o outro 7 a 1, o de 2014, para a Alemanha, na semifinal do Mundial realizado no Brasil. O fato o deixou descrente, fazendo o parar de acompanhar os jogos da seleção desde então.

“Vou ser sincero: não estou acompanhando. Depois daquele 7 a 1, rapaz, eu fiquei um pouco traumatizado com a seleção. Até hoje não consigo entender. Eu sei que há uma geração nova de jogadores que está subindo, mas sei lá, cara, ainda não consegui acompanhar a seleção”, declarou ele em entrevista ao SporTV, durante evento da Uefa com outros ex-jogadores para promover a Eurocopa, que começa nesta sexta-feira (10), na França.

Assista:



Jornalista desde 2012, com passagens pelos jornais ABCD Maior e Diário do Grande ABC, além do canal NET Cidade. Atualmente como repórter colaborador no site Torcedores.com.