Veja quanto o Palmeiras recebe a mais de patrocínio do que os rivais

Crédito da foto: Cesar Greco/ Ag.Palmeiras / Divulgação

O Palmeiras é o clube com a melhor situação financeira do futebol brasileiro, já que boa parte de suas receitas não dependem de apenas um único agente econômico, mas sim é diluída entre vários parceiros como os patrocinadores, as cotas de TV, a arrecadação com o programa de sócio-torcedor e os valores auferidos na venda de atletas.

LEIA MAIS:
JOGADOR DA NBA ACERTA ADVERSÁRIO NAS PARTES BAIXAS E BRINCA: “ELE QUER TER FILHOS”
TORCIDA DO VASCO APROVA PARTIDA DE JORDI: “GRANDE ATUAÇÃO”
NEILTON REVELA O SACRIFÍCIO QUE FEZ PARA DAR A VITÓRIA AO BOTAFOGO
SPORTV RECLAMA DE GÁS DE PIMENTA USADO EM JOGO DO VASCO

Deste, um elemento que chama atenção são os valores que o Verdão consegue de patrocinadores, sobretudo quando comparado aos rivais estaduais. O Palmeiras deve arrecadar em 2016, segundo a Folha de São Paulo, R$ 66 milhões com os chamados patrocinadores master (Crefisa/FAM).

O Corinthians, por exemplo, deve receber menos de Caixa e outros patrocinadores, cerca de R$ 40 milhões,segundo a Folha. O São Paulo, que recentemente acertou contrato com a Prevent Senior, deverá receber R$ 24 milhões, segundo o Blog do Perrone, mas com um contrato que valerá até o final de dezembro de 2017, ou seja, por mês, o Tricolor ganha menos de R$ 1,15 milhão.

O Santos, rival derrotado na final do Copa do Brasil do ano passado, não tem um patrocinador master, porém, tem um acordo a empresa mineira do Grupo Algar para a gola da camisa e a barra traseira, no valor de R$ 7 milhões por ano, números também muito inferiores ao que ganha o Palmeiras.

Crédito da foto: Cesar Greco/ Ag.Palmeiras / Divulgação