Moisés é a esperança palmeirense por um meia de ‘responsa’

Moisés
(Foto: Divulgação/Agência Palmeiras).

Apontado desde o inicio da contratação como o ‘homem que faltava’ ao Palmeiras, Moisés chegou ao clube no início deste ano após uma curta negociação com o Rijeka, da Croácia, ainda em 2015. Aos 27 anos, o jogador conquistou o então treinador Marcelo Oliveira pelas boas características, como velocidade, agilidade e domínio de bola dentro do sempre movimentado meio campo. No entanto, e por ironia do cruel destino, a promessa palmeirense foi vítima de uma gravíssima lesão no pé direito e se viu obrigado a ficar de fora dos gramados até o tempo presente.

Moisés participou da pré-temporada da Sociedade Esportiva Palmeiras (SEP) no Uruguai, na disputa da Taça Antel, chegou a marcar um gol na vitória de 2 a 0 contra o Libertad e fez aumentar a esperança da torcida por um meia de responsabilidade como a muito tempo não se via no alviverde imponente. A estreia oficial no Palmeiras aconteceu no Campeonato Paulista, na derrota para o Linense por 2 a 1, em pleno Allianz Parque.

E foi justamente nesta sua primeira atuação com a verdinha que o jogador se lesionou. O meia entrou como titular, mas foram apenas 45 minutos de oportunidade para mostra o seu bom futebol. No segundo tempo daquela peleja, Moisés fora substituído ao reclamar de fortes dores no pé direito, causadas por um trauma no local. Exames mais detalhados apontaram a gravidade da fratura e a necessidade de uma cirurgia, a previsão era de quatro meses longe da bola.

A esperança ressurge para o Brasileiro

Se o primeiro semestre não fora dos mais perfeitos para o torcedor palestrino, o segundo turno de 2016 premedita ventos melhores. Moisés está quase 100% recuperado da fratura e já demonstra possibilidade de retornar aos gramados exatamente nas proximidades do início do Campeonato Brasileiro. Nesta quinta-feira (05), o meia deu as caras no treinamento da Academia após três meses de molho.

O atleta fez uma transição física (movimentação físico-técnica com o preparador Marco Aurélio Schiavo) ao lado de Leandro Almeida (que sofre com dores no joelho esquerdo), Edu Dracena (que tem dores musculares e está se recuperando) e Vitor Hugo. Segundo a assessoria do Palmeiras, o jogador colocou um pino no pé esquerdo e deve estar totalmente pronto, no mais tardar, até o final de junho.

Apesar de não ter tido a oportunidade de mostrar todo o seu futebol, Moisés ainda traz a esperança para o torcedor palmeirense por um meia de ‘responsa’..

Currículo

Moisés deixou o Brasil no início de 2014, após passagens por Boa Esporte, Sport, Coritiba e América-MG, clube no qual fora revelado. A propósito, o jogador tornou-se meia na Portuguesa, até então atuava como volante. Pela equipe de Rijeka, ganhou a Copa da Croácia logo em seu primeiro ano e teve a experiência de disputar a Liga Europa. No seu último ano no time croata, marcou apenas uma vez.

 



Escritor e jornalista, autor do romance 'O cachorro, o rato e a paixão' e do 'Projeto Demo: Histórias que viram estórias'. Formado em jornalismo pela Faculdade Estácio de Sá de Campo Grande (MS), atualmente trabalha no jornal semanário e online O Liberdade. Palmeirense mesmo após um 5 a 1.