Após perder Copa, Gündogan fica fora da Euro 2016

Divulgação/Site oficial Borussia Dortmund

O meia Ilkay Gündogan machucou o joelho e não irá se recuperar a tempo de disputar a Eurocopa de 2016. O jogador do Borussia Dortmund já havia perdido a chance de participar da última Copa do Mundo por lesão.

LEIA MAIS:

Benzema confirma pelo Twitter que não jogará a Eurocopa

Fora da Euro, Coentrão passa bem após cirurgia

Portugal tem mais um desfalque para a Eurocopa

Após lesão, Marchisio recebe apoio de jogadores nas redes sociais

Em comunicado divulgado em seu site oficial, o clube aurinegro confirmou que Gündogan se machucou durante um treino e perderá os últimos jogos da temporada. Entretanto, a nota não informou a previsão de retorno do meia.

“O Dortmund não terá Ilkay Gündogan nos jogos finais da temporada 2015/2016. O jogador da seleção alemã deslocou a rótula durante o treinamento da equipe. Ele perderá o resto da temporada, e, infelizmente, ficará fora da Euro”, publicou.

Esta será a segunda grande competição de seleções que o meia perderá por lesão. O jogador de 25 anos não teve condições de disputar o Mundial no Brasil devido a um problema na coluna.

Além da Euro, Gündogan também perderá jogos importantes do Dortmund. Ainda na briga pelo título alemão, os aurinegros enfrentarão o Eintracht Frankfurt neste sábado. Em seguida, encerrarão sua participação no campeonato nacional contra o Colônia, diante de sua torcida.

O último compromisso do Borussia na temporada será a final da Copa da Alemanha. A decisão contra o Bayern de Munique será no dia 21 de maio em Berlim.

Na tarde desta sexta, o meia usou suas redes sociais para falar sobre a lesão. Gündogan agradeceu as mensagens de solidariedade e afirmou que encara o problema de forma positiva.

“Obrigado pelas mensagens de apoio! Estou muito triste por não disputar a final da Copa da Alemanha e a Eurocopa na França. Porém, sentir pena de si mesmo nunca foi a melhor solução. Depois do choque do diagnóstico, a única forma de lidar com isso é encarar a lesão de forma positiva e tentar entrar em forma o mais rápido possível. Como na maioria dos casos de lesão, não dá para dizer exatamente qando voltarei, mas manterei vocês informados sobre minha recuperação”, publicou o atleta em sua página do Facebook e em seu perfil no Twitter.

Em seu Twitter oficial, o Dortmund desejou melhoras a Gündogan. Por sua vez, o técnico da seleção alemã, Joachim Löw, lamentou a lesão de seu jogador.

“Obviamente, (a lesão de Gündogan) é um enorme contratempo, mas, acima de tudo, é muito amargo para Ilkay, que já não tinha ido ao Brasil por causa de uma lesão. Agora, também ficará fora da Euro, um torneio para o qual estava se preparando. Ele estava em ótima forma. Suas habilidades táticas faziam com que ele desempenhasse um papel central em nossos planos. Todos nós da seleção queremos que ele volte logo”, declarou ao site oficial da federação alemã.

Os atuais campeões do mundo vão estrear na Eurocopa em 12 de junho, contra a Ucrânia. No dia 16, os comandados de Löw enfrentarão a Polônia e, em 21 de junho, encerrarão sua participação no grupo C contra a Irlanda do Norte.