Família Gracie volta a ter campeão no MMA depois de 21 anos

Reprodução/Instagram Roger Gracie

Uma das famílias mais tradicionais do mundo das lutas, os Gracies estão em festa. O motivo é o fato de Roger Gracie, 10 vezes campeão mundial de jiu-jitsu, ter se tornado o primeiro campeão do clã no MMA em mais de 20 anos. O atleta se tornou na sexta-feira (6) o dono do cinturão da categoria dos meio-pesados (93kg) do ONE FC, após derrotar o polonês Michal Pasternak em Cingapura.

LEIA MAIS:
UFC CONFIRMA EVENTO NA ALEMANHA PARA SETEMBRO
MAYWEATHER X MCGREGOR: PAI DO PUGILISTA AFIRMA QUE EXISTEM CONVERSAS PARA LUTA DE BOXE

Roger precisou de apenas 2min13 para finalizar Pasternak com um estrangulamento. Foi o oitavo triunfo de Roger no MMA – ele tem, também duas derrotas, uma delas em sua única incursã no UFC (em 2013, para Tim Kennedy).

Com o título, a família Gracie volta a ter um campeão em um evento de MMA depois de 21 anos. Além de Roger, Royce e Rickson Gracie também tiveram conquistas nas artes marciais mistas.

Royce Gracie foi o primeiro campeão do UFC. Irmão de Rorion Gracie, fundador do Ultimate – e também de Rickson -, Royce faturou o UFC 1, UFC 2 e o UFC 4, respectivamente disputados em novembro de 1993, março de 1994 e dezembro de 1994. Rickson, por sua vez, foi campeão do Vale Tudo Japan em 1994 e 1995.

Diferentemente de Roger, as conquistas de Royce e Rickson aconteceram de forma diferente. Não haviam cinturões nem categorias de peso definidas nos eventos. Além disso, para serem campeões, os atletas lutavam várias vezes por dia. Rickson teve de derrotar três adversários em cada uma das edições do Vale Tudo Japan, por exemplo.

Outros membros da família Gracie também se aventuraram no MMA, sem o mesmo sucesso do trio: Royler, Renzo, Ryan, Rodrigo e Kron Gracie são alguns dos atletas do clã que migraram do jiu-jitsu para as artes marciais mistas. Nenhum deles conseguiu repetir os feitos que tiveram no jiu-jitsu no MMA.



Jornalista, editor do Torcedores.com. Passagens pelos jornais Metro, O Estado de S. Paulo, Jornal da Tarde, Marca Brasil, Agora São Paulo, Diário de S. Paulo e Diário do Grande ABC.