Cuca ironiza denúncia do STJD por ponto eletrônico: “Tomara que eu pegue seis jogos”

Cuca
Foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras

O Palmeiras recebeu na tarde desta sexta-feira (27) a informação de que o técnico Cuca foi denunciado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por uso irregular de ponto eletrônico na vitória do Verdão sobre o Fluminense, no meio de semana. Ao saber do fato durante entrevista coletiva, o comandante alviverde disparou contra o órgão e ironizou o fato.

LEIA MAIS:

MERCADO DA BOLA 2016: PALMEIRAS CONTRATA GOLEIRO DO SÃO BERNARDO

MERCADO DA BOLA: VEJA A “SELEÇÃO MUNDIAL” DE ATLETAS QUE FICAM SEM CONTRATO EM JUNHO DE 2016

MERCADO DA BOLA 2016: BOCA JUNIORS TEM INTERESSE EM ATACANTE DO PALMEIRAS

Cuca cumpria suspensão automática por ter sido expulso de campo contra a Ponte Preta e foi flagrado com imagens de TV utilizando equipamento eletrônico para orientar seus auxiliares no jogo contra o Fluminense. Se for considerado culpado no julgamento, o técnico poderá pegar de um a seis jogos de suspensão. A súmula de Palmeiras x Fluminense, entretanto, inclui denúncia ao gerente de marketing do Verdão com um rádio comunicador, mas não a Cuca e auxiliares.

“Vai ver a gente ganhou esse jogo por causa do negócio aí, essa merda que nem funciona. A gente fica sentido com isso. As coisas não são permitidas para a arbitragem ter uma visão da TV e voltar um lance, mas é permitido para denunciar um treinador. Tomara que eu pegue seis jogos de suspensão”, ironizou Cuca, que ficou indignado com o fato.

“Eu não usei comunicação. Estou lá em cima nas cadeiras, se alguém me vê falando em algum momento no rádio ou alguma coisa, pode me punir sem problema algum. Não sei porque essas coisas estão acontecendo, não é da regra ter comunicador, a gente entende. Não sei por que em duas ocasiões foram feitas leituras labiais no Cuca. A gente quando fala com jogador, a gente não fala ‘marca, meu bem’. A gente fala ‘p… que pariu, marca essa p…”. Fui expulso pelo [Leandro Pedro] Vuaden [árbitro], pegam uma câmera filmando o que você fala, põem uma letrinha embaixo. Não sei por que”, reclamou o treinador palmeirense.