Climão na Arena Corinthians: enquanto Dentinho é ovacionado, André entra vaiado

internacional x corinthians
Crédito da foto: Agência Corinthians

 

O Corinthians finalmente venceu uma partida no Brasileirão 2016. O Timão já estava há cinco partidas sem vitórias e derrotou a Ponte Preta por 3 a 0. A partida foi marcada pela visita de ex jogadores, por um pênalti claro não marcado e pelas vaias ao atacante André

Leia mais:

ANDRÉ PERDE PÊNALTI, CORINTHIANS EMPATA COM O NACIONAL E É ELIMINADO DA LIBERTADORES

DENTINHO FALA SOBRE TERROR NA UCRÂNIA ‘IA TREINAR E TINHA MILICIANO FAZENDO BARREIRA’

Às 11h00 de um feriado nacional, a fiel torcida compareceu em peso na Arena Corinthians, foram 35.573 pagantes. Os gols do jogo foram marcados pelo zagueiro da Ponte Preta, Kadu (contra), por Bruno Henrique e por Guilherme, que recebeu de fora da área, dominou e bateu no ângulo, mais outro golaço.

Por falar em Kadu, o zagueiro protagonizou a cena mais polêmica da partida, sem jeito, o zagueiro tentou parar Marquinhos Gabriel dentro da área e parou, mas parou com um carrinho que derrubou Marquinhos dentro da área e o árbitro Elmo Resende não marcou o lance que aconteceu aos 38 do primeiro tempo.

marquinhos gabriel
Foto: © Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

Outro momento da partida que vale destaque foi a entrada do atacante André que entrou na metade do segundo tempo, mais precisamente aos 33 minutos substituindo Luciano, por uma opção do técnico Tite. A entrada de André não agradou nada a torcida que não poupou vaias na entrada do jogador. Após a partida o jogador disse em entrevista ao Sportv: ‘Eu quero sempre fazer gol, atacante vive de gol. O jeito é continuar trabalhando. Uma hora a bola entra’, disse André.

Pouco tempo depois das vaias de André, o ex-atacante do Timão, Dentinho apareceu no telão da Arena. De férias, Dentinho foi a Arena com seu filho e a recepção da fiel torcida foi a melhor possível que aplaudiu muito o jogador. Atualmente no Shaktar da Ucrânia, ele nunca escondeu seu desejo de voltar ao clube alvinegro

Além de Dentinho, Chicão também esteve na Arena Corinthians.

Ficha técnica 

Data: quinta-feira, 26/05/2016
Horário: 11h00 (de Brasília)
Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
Público: 35.573 pagantes
Renda: R$ 2.059.840,00
Árbitro:
Elmo Alves Resende Cunha (GO)
Assistentes: Fabio Rogerio Baesteiro (SP) e Bruno Salgado Rizo (SP)
Gols: Kadu (contra), aos 14 minutos, e Bruno Henrique, aos 21 minutos do 1º tempo; Guilherme, aos 34 minutos do 2º tempo
Cartões amarelos: Bruno Henrique, Cristian e Vilson (COR); João Carlos e Renê Júnior (PON)



Formada em jornalismo pelo Mackenzie, demorei anos para perceber que dá, sim, para ir atrás dos sonhos e trabalhar com o que se gosta: o esporte. Hoje me divido entre o esporte e a política. Nunca vou me conformar com os que dizem: "É só futebol.."