Alecsandro: após 2015 de incertezas, jogador se adapta ao Palmeiras e reacende faro de gol

Palmeiras x River Plate-URU
Alecsandro - Crédito da foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras

O atacante Alecsandro caiu nas graças do torcedor do Palmeiras em 2016. Depois de um 2015 de irregularidade e poucos gols, sua marca principal, o camisa 29 desencantou no atual ano e se sentiu mais à vontade no Allianz Parque. De quase descartado, tornou-se o artilheiro palmeirense na temporada: em 20 jogos, são nove tentos (oito pelo Campeonato Paulista e um pela Libertadores).

VEJA MAIS
ALECSANDRO DÁ EXPLICAÇÃO INUSITADA SOBRE QUEDA PRECOCE DO PALMEIRAS NA LIBERTADORES
DIA DAS MÃES QUE NADA! ALECSANDRO DIZ QUE TROCARIA ABRAÇO PELA FINAL DO PAULISTÃO

Para se ter uma ideia, no ano passado ele tinha feito 18 partidas e balançado as redes por apenas duas vezes, o que causaram um desconforto com a torcida alviverde, que o vaiava em quase todas as partidas e até o apelidaram de “Alecdonalds” devido ao sobrepeso. À la “o jogou virou, não é mesmo?”, Alecgol chega ao Brasileirão credenciado a ser um dos grandes nomes do Verdão na campanha.

Com Cuca, ele deixou de ser apenas um fazedor de gols. O treinador lhe deu novas funções. Mais recuado, ele atua como um “falso 10” ou até pelas pontas de vez em quando. Mesmo aos 35 anos, o fôlego de menino o dá gás para render o esperado pelo treinador. Hoje à frente de Lucas Barrios, o torcedor palestrino não consegue o ver fora da titularidade. Alecgol voltou e para apavorar as defesas adversárias.



Jornalista desde 2012, com passagens pelos jornais ABCD Maior e Diário do Grande ABC, além do canal NET Cidade. Atualmente como repórter colaborador no site Torcedores.com.