5 jogadores que podem decidir a Champions para o Real Madrid

Camepones

Neste sábado 28 de maio a cidade de Milão na Itália será palco de um jogo histórico: a decisão da UEFA Champions League 2015-16 entre os rivais espanhóis Real Madrid e Atlético de Madrid, repetindo a final de dois anos atrás onde os merengues saíram vencedores, e para que eles possam levantar pela 11ª vez a taça de campeão da Europa eles precisarão de 5 jogadores fundamentais:

 

Gareth Bale

O galês sofreu com lesões nesta temporada, o que o levou a fazer somente 30 jogos com a camisa do Real Madrid, mesmo assim o camisa 11 foi capaz de ajudar o time com 19 gols e 11 assistências nestes jogos.

É bem verdade que o atacante ainda não marcou na Champions League em 2015-16, mas seu poder de decisão foi crescendo com a proximidade do fim da temporada, foram 3 gols em partidas em que o time merengue não teve Cristiano Ronaldo e/ou Benzema, e 10 gols nos últimos 10 jogos.

Os madridistas podem colocar suas esperanças no camisa 11 na final deste sábado, ele gosta de jogos importantes e geralmente deixa seus gols em momentos decisivos, foi assim na final de 2014 quando marcou o gol de desempate na prorrogação.

Cristiano Ronaldo

O camisa 7 do Real Madrid teve mais uma temporada como artilheiro do time, foram 35 gols no campeonato espanhol e 16 pela Champions League. Foi herói da classificação merengue para a semifinal da competição quando marcou o hat trick da vitória contra o Wolfsburg no Santiago Bernabéu, e pode ser mais uma vez decisivo na final em Milão.

O Atlético de Madrid deve ter cuidado como português, já que o time de Simeone é um dos alvos preferidos do gajo que já marcou 15 vezes contra os colchoneros – segundo worldfootball.net – um destes gols marcado na final de 2014 selando o decimo título merengue da Champions League.

Benzema

Assim como Bale, o francês também sofreu com lesões e até com problemas extra campo, mas isso não o impediu de ajudar o time com 32 gols em 35 jogos na temporada – média de 0,8 gols por partida. O camisa 9 marcou contra o Atlético de Madrid no empate por 1 a 1 no Vicente Calderón pelo primeiro turno do campeonato espanhol.

Sua contribuição nesta final pode ir além dos gols, já que sua presença em campo muda a dinâmica do ataque merengue, e também melhora a efetividade de Cristiano Ronaldo.

Marcelo

2 gols e 4 assistências na temporada, números “tímidos” para o lateral do Real Madrid, mas ainda assim o camisa 12 pode ter um papel fundamental no duelo, seu apoio ao ataque é sempre necessário para agredir o adversário e abrir espaço na forte marcação do Atlético. Os cruzamentos de Marcelo serão importantes também, já que dos últimos 8 gols sofridos pelo time de Simeone, 5 foram de cruzamentos na área, e 3 destes cruzamentos vieram do lado esquerdo do campo – segundo bleacherreport.com – exatamente onde o lateral brasileiro atua.

Keylor Navas

O goleiro costa-riquenho que ganhou a torcida e a confiança do time após atuações seguras, foram apenas 2 gols sofridos em 10 jogos da Champions League nesta temporada. Não podemos ignorar a diferença que um goleiro em bom momento pode fazer em um duelo como este, e defensivamente Navas pode decidir para o Real Madrid, tanto quanto as outras estrelas merengues.