10 coisas que você deve saber após 3 rodadas do Brasileirão

Antonio Melcop / Site oficial Santa Cruz

Em 2016, são 20 clubes de oito estados (Bahia, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo) que disputam o título do Brasileirão e as vagas na Libertadores da América, sendo que o Corinthians é o atual campeão e a principal surpresa até agora é a campanha do líder Santa Cruz. Veja mais detalhes abaixo:

LEIA MAIS:
De Joriwinnyson a Adniellyson: veja os nomes mais curiosos do Brasileirão

1) Z4 – São cinco times que seguem sem vencer no Brasileirão: Figueirense, Sport, América-MG, Cruzeiro e Atlético-PR.

2) APROVEITAMENTO – Por outro lado, mais cinco estão invictos, dentre eles o Figueirense – apenas empatou até agora. Além do alvinegro catarinense, a lista tem Santa Cruz, Grêmio, Internacional e Chapecoense.

3) GRAFITE (foto) – O atacante do Santa Cruz marcou seis gols, sendo que além do próprio tricolor pernambucano (10), apenas o Palmeiras balançou a rede mais vezes (7)

4) ARQUIBANCADA – Times de São Paulo possuem o maior público do Brasileirão. Corinthians, Palmeiras e São Paulo estão no pódio, sendo que o jogo Corinthians x Ponte Preta levou 35.857 ao estádio em Itaquera

5) PÊNALTIS – São 11 marcados em 30 jogos e apenas um perdido – Paulão, zagueiro do Internacional no empate contra Chapecoense

6) LÍDER – Recém-promovido da Série B, o Santa Cruz venceu o Campeonato Pernambucano, a Copa do Nordeste, tem o artilheiro e o melhor ataque do Brasileirão

7) MELHOR DEFESA – O Grêmio não tomou nenhum gol neste Brasileirão e o zagueiro Fred ainda marcou na vitória por 1 a 0 sobre o Flamengo

8) ESTADUAL – Dos campeões regionais, Santa Cruz (PE , 1º) e Internacional (RS, 3º), Chapecoense (SC, 5º) estão na ponta, enquanto Santos (SP, 7º) e Vitória (BA, 13º) oscilam, América-MG (18º) e Atlético-PR (20º) precisam se reabilitar. Em 2015, o campeão carioca Vasco foi rebaixado para a Série B

9) TÉCNICOS – O que era tratado como tabu virou opção para os dirigentes brasileiros. Atualmente são dois estrangeiros: o português Paulo Bento (Cruzeiro) e o argentino Edgardo Bauza (São Paulo). O uruguaio Diego Aguirre (Atlético-MG) não resistiu após a eliminação na Libertadores

10) GRINGOS: Até agora, apenas três estrangeiros marcaram gols no Brasileirão (o volante paraguaio Cazares, do Atlético-MG, o meio campista De Arrascaeta, do Cruzeiro, e o zagueiro uruguaio Lugano, do São Paulo)

(Foto: Antônio Melcop)