Rio 2016: tocha olímpica é oficialmente acesa na Grécia com brasileiro já a conduzindo

Tocha Olímpica Rio 2016
Crédito da foto: André Luiz Mello/Rio 2016

A chama olímpica foi acesa na manhã desta quinta-feira (21) em Olímpia (GRE), berço dos Jogos. Assim, a Olimpíada Rio 2016 teve seu início, a 106 dias para o início das competições na capital carioca.

VEJA MAIS
EX-GINASTA LAÍS SOUZA COMENTARÁ JOGOS OLÍMPICOS DO RIO PELO SPORTV

Com ajuda da luz solar, a tocha teve seu acendimento realizado em cerimônia já tradicional antes do maior evento esportivo do mundo, e com o ginasta grego Eleftherios Petrounias – campeão mundial das argolas e adversário do brasileiro Arthur Zanetti – como primeiro condutor.

Ele homenageou o francês Pierre de Coubertin, criador dos Jogos Olímpicos da Era Moderna, em seu túmulo, e na sequência entregou a chama para o bicampeão olímpico Giovane Gávio, que atuou por décadas pela seleção masculina de vôlei, primeira personalidade do Brasil a participar do revezamento.

“É uma honra para nós vivermos esse sonho, os primeiros Jogos na América do Sul. O Rio está pronto para entregar história. A Olimpíada no Rio está abençoada para ser uma linda realidade”, discursou o presidente do Comitê Rio 2016, Carlos Arthur Nuzman, no início do evento. “A tocha leva uma mensagem de paz que unirá nosso querido Brasil”, complementou.

Depois, o presidente do COI (Comitê Olímpico Internacional), Thomas Bach, prosseguiu a cerimônia. “Pela primeira vez, os Jogos serão sediados na América do Sul. Essa marca mostra nossa universalidade. O Rio de Janeiro, com o apoio de todos os brasileiros, vai celebrar uma demonstração gigante de suporte humano. Esse será o momento do Brasil e esses serão os Jogos Olímpicos”, disse o mandatário.

“Esses Jogos serão uma mensagem de esperança em dias difíceis. Somos parte de uma só humanidade, símbolo de paz e harmonia, símbolo do poder da humanidade de se juntar, apesar das diferenças”, acrescentou Bach, vendo os Jogos Olímpicos como uma esperança para o mundo e pondo as diferenças de lado.

Agora, a chama passará pela Grécia e Suíça antes de chegar ao Brasil em 3 de maio. A primeira cidade a receber a tocha é a capital federal Brasília. Todos os 26 Estados, além do Distrito Federal, receberão o revezamento. Cerca de 12 mil condutores ajudarão a carregar a honraria em 300 cidades pelo país.



Jornalista desde 2012, com passagens pelos jornais ABCD Maior e Diário do Grande ABC, além do canal NET Cidade. Atualmente como repórter colaborador no site Torcedores.com.