Opinião: Tite atrasa Corinthians com a insistência de transformar Guilherme

Crédito da foto: Reprodução/ Facebook oficial do Corinthians

Acostumado a descobrir novas habilidades em seus atletas, Tite não consegue enxergar que está errando na insistência de colocar Guilherme para fazer o papel de Renato Augusto. O treinador está fazendo o atleta abdicar de forma de jogar, que é de segundo atacante, para atender a necessidade do time.

LEIA MAIS:
Provocou o Palmeiras? Corinthians dá “boa tarde” com foto de Romarinho

A grande real é que Guilherme é um atacante que pode fazer a função de meia aberto pelos lados, mas não recuado ao circulo central para construir jogadas. Em 2007, ano em que o corintiano subiu da base do Cruzeiro, ele fez sucesso atuando como segundo atacante ao lado de Marcelo Moreno. Aliás, foi uma das grandes revelações do Campeonato Brasileiro daquele ano.

No Atlético/MG, campeão da Copa Libertadores de 2013, o corintiano teve papel importante na conquista sendo reserva imediato de Bernard e Ronaldinho Gaúcho, era o 12º atleta da equipe. Quando a dupla não rendia, Cuca o acionava para atuar como ponta direita ou esquerda de seu time.

Logo, Tite poderia usá-lo na função de Lucca, na ponta esquerda, ou Giovanni Augusto, na ponta direita, mas a insistência em fazê-lo jogar na função de criação/ligação da defesa para o ataque está atrasando o amadurecimento do time. As mudanças na equipe estão engrenando até chegar a Guilherme, do jogador para frente às coisas estão evoluindo sem sua participação.

Outro detalhe importante: o Guilherme que está atuando, hoje, no Timão nem faz sombra ao jogador velocista, driblador e com visão de jogo que brilhou nos times mineiros. Tite parece não ter sacado ainda que o atleta está fora de ritmo, sem velocidade, sem arranque e precisão nos passes.

A chegada de Marquinhos Gabriel pode fazer com que o treinador libere Guilherme para jogar da forma que gosta.



Jornalista com passagens pelo Portal R7, Jornal do Trem, Impacto Comunicação, Dialoog Comunicação e Comunicale.