O dia em que Telê Santana fez ídolo do São Paulo parar de se ‘exibir’ e cortar o cabelo

Divulgação/saopaulofc.net/Arquivo

Neste 21 de abril de 2016 completa-se dez anos da morte do ‘Mestre’ Telê Santana. Além de legados e ter deixado seu nome gravado na seleção brasileira, no São Paulo e Fluminense, o ex-treinador tem histórias pelo futebol e uma delas envolveu o ex-atacante e ídolo do São Paulo, Macedo.

LEIA MAIS
O DIA EM QUE TELÊ SANTANA ENSINOU À CRUYFF A ARTE DE JOGAR BOLA
DEZ ANOS SEM TELÊ SANTANA! VEJA FOTOS HISTÓRICAS DO TÉCNICO EM SUA PASSAGEM PELO SÃO PAULO

Macedo era uma das estrelas do São Paulo no início dos anos 90 e estava em alta. Campeão da Libertadores e com a moral lá em cima, o então jogador achou que poderia imitar seu ídolo Ruud Gullit, craque holandês, com um cabelo mais estiloso com os chamados ‘dreads’.

Sendo assim em um treinamento, o ex-atacante chegou com seus cabelos que duraram mais de DEZ horas para serem feitos, mas o Mestre Telê não gostou nada. Pediu para Macedo tirar o cabelo se não ele não jogaria mais pelo São Paulo. Cafu, Raí e o ex-lateral Vitor também tentaram ajudar, já que o jovem atacante estava resolvendo, havia sido um dos heróis da Libertadores em 1992, mas Telê Santana já tinha decidido, e assim Macedo custou mais TRÊS horas no salão para tirar seu estiloso cabelo.

A história quem conta é o próprio Macedo. Assista abaixo:



Jornalista. Como todo torcedor também gosto de dar meus pitacos. Fã da seleção italiana, do Milan e do Arsenal.