Mercado da bola: Cobiçado por Flamengo e Palmeiras, Dátolo revela seus planos

O meia do Galo se recuperou de lesão muscular que o afastou dos gramados por algumas partidas, interrompendo a boa sequência do argentino no time do Atlético. Dátolo vem tendo seu nome sendo comentado em várias equipes brasileiras, mas seu pensamento agora é de recuperar espaço no time titular.

LEIA MAIS:
Mercado da bola: Rodrigo Caetano fala sobre interesse do Palmeiras em Everton do Flamengo
Flamengo renova com mais um campeão da Copinha, o volante Ronaldo
Mancuello revela que teve propostas da Europa e explica a opção pelo Flamengo
Atacante revela tristeza por saída do Palmeiras, mas quer nova chance em Julho
Muralha fica na frente de Paulo Victor em votação feita pelos próprios goleiros do Brasileirão
Mancuello se diz encantado e afirma: ‘Quero ganhar tudo no Flamengo’
Gum ainda pode trocar Fluminense por Palmeiras, diz repórter
Ex-jogador do Flamengo, atacante Kayke passa por grande susto no Japão
Flamengo responde ao PSG sugerindo amistoso em janeiro e time francês posta: ‘nos encontraremos’
Ex-Manchester United visita sede do Flamengo e posta foto de quadro com Zico e Pelé
Mercado da bola: Ponte Preta deve acertar com ex-Flamengo
Nacional recusa primeira oferta do Flamengo pelo zagueiro Polenta

 

Desde o início da atual temporada, o nome de Jesús Dátolo vem ganhando as páginas dos noticiários de vários times brasileiros. O meia foi cogitado no Corinthians e depois em uma troca pelo atacante Fred, do Fluminense. O interesse do Palmeiras apareceu após a chegada de Cuca, mas a negociação que tem sido mais comentada neste momento, seria a transferência do meia para o Flamengo.

O assunto ganhou força após o Atlético acertar o retorno de Maicossuel e também a contratação do meia Carlos Eduardo, com passagens pelo Grêmio, futebol russo e pelo próprio Flamengo, onde foi campeão da Copa do Brasil 2013.

Segundo o próprio Dátolo, seu plano é de ficar no Galo pelo menos até dezembro, quando termina o contrato entre ambos. A intenção do meia é de estender seu vínculo com o clube mineiro.

– Eu penso até dezembro, quando acaba meu contrato. Eu tenho uma identificação com o torcedor, porque ele sabe que respeito o clube e a camisa. É recíproco. Me identifico muito, mas eu vou dar a vida até o final do meu contrato. Depois vou pensar em renovação. Não depende só de mim. Depende também do clube – disse o argentino ao site Superesportes/MG.

O atleta falou ainda de como foi difícil o tempo que ficou de fora dos jogos enquanto se recuperava de lesão

– Espero não me machucar nunca mais. É muito ruim ficar fora. Todos que ficamos fora sabemos da importância de estar em campo e não machucar. Sofremos muito fora. Vocês não sabem o quanto a gente sofre, porque a gente quer ajudar o time. Estar em campo é muito bom para mim. Eu sinto falta quando estou fora. Eu tinha ficado parado um mês, sem fazer nada. Tinha voltado a treinar tinha dois dias. Eu falei com treinador que ainda não estava seguro. Eu prefiro que entre um companheiro que esteja 100%, porque eu quero ajudar.

 

Dátolo em ação pelo Galo - Crédito da foto: Bruno Cantini/Atlético-MG/Divulgação
Dátolo em ação pelo Galo – Crédito da foto: Bruno Cantini/Atlético-MG/Divulgação

 

 

Veja também:

18 jogadores que ficam sem contrato no 2º semestre e podem ser bons reforços

14 opções de zagueiros para seu time se reforçar em 2016.
Veja brasileiros que atuam na Europa e poderiam ser repatriados.
11 opções de volantes para seu time se reforçar em 2016.

Foto: Divulgação

Curtiu essa matéria? Siga o autor no Twitter: @allanmadi