Aquele 1% de chances do Palmeiras

Reprodução/Facebook

Nesta quinta-feira (14), o Palmeiras precisará de um verdadeiro milagre para continuar vivo na Libertadores. Após um mês, o Verdão recebe o River Plate (URU) na Allianz Parque, para um jogo de vida ou morte, a partir das 21h45.
A tarefa para conseguir a classificação para as oitavas de final da competição intercontinental não é nada fácil. O Palestra precisa obrigatoriamente vencer, torcer para o Nacional (URU) ganhar do Rosário Central (ARG); e ainda precisa descontar uma diferença de três gols da equipe argentina.

LEIA MAIS:

MESSI E A MALDIÇÃO DO GOL 500

CRÔNICA: VALEU DEMAIS, KOBE

CALLERI MARCA DOIS E GARANTE UMA VIAGEM MAIS TRANQUILA PARA LA PAZ

‘’Aquele 1% de chance’’ no título não foi nem uma demonstração gratuita de sensacionalismo, Cuca e seus comandados precisaram de muita força, concentração e um pouco de sorte para garantir vaga na próxima fase. A grande novidade do Alviverde é o retorno de Cleiton Xavier, que estava a mais de 8 meses sem jogar , o meia é o camisa 10 que a torcida tanto cobra, porém as contusões tem atrapalhado a continuidade do meia no Palmeiras.

Já que estão deixando sonhar…

Em 2009, o meia foi responsável pelo golaço contra o Colo-Colo (CHI), que garantiu uma dramática classificação naquela edição, dando a vitória por 1 a 0 para o clube paulista.

A grande baixa para comissão técnica vai ser Gabriel Jesus, que foi expulso no último jogo da Libertadores. O jogador é o artilheiro do Verdão na competição. A Conmebol, anunciou que o atacante estará suspenso por 3 partida, mesmo que o Alviverde consiga a classificação, o atleta ainda precisará cumprir duas partidas de suspensão. Pelo lado do River, Michael Santos – o melhor jogador da equipe – se lesionou e nem viajou ao Brasil. A equipe uruguaia já está eliminada, com apenas três pontos em cinco jogos.

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS X RIVER PLATE (URU)

Local: Allianz Parque, em São Paulo (SP)
Data e horário: 14/4/2016, às 21h45
Árbitro: Óscar Maldonado (BOL)
Assistentes: Wilson Arellano e José Antelo (ambos da BOL)

PALMEIRAS:

Fernando Prass; Jean, Thiago Martins, Vitor Hugo e Egídio; Gabriel, Arouca, Robinho e Allione; Erik e Alecsandro. Técnico: Cuca

RIVER PLATE (URU):

Pérez; Ronaldo, Herrera, Flores e González; Montelongo, Cristian González, Tajan, Ribas e Flores; Schiaccapasse.Técnico: Juan Ramón Carrasco

 

Curtiu a matéria? Siga o autor no Twitter: Jooe10show
Facebook: Joen10