Após classificação, elenco da Ferroviária ganha folga e diretoria projeta renovação com os jogadores

Crédito: Fernanda Helene / Ferroviária

Garantida na segunda fase da Copa do Brasil após eliminar o Salgueiro-PE, o time da Ferroviária ganhou folga nesta sexta-feira e retornará aos trabalhos no próximo dia 20, quarta-feira, às 15h, visando preparação para o confronto diante do Fluminense-RJ pela competição nacional.

LEIA MAIS:
FERROVIÁRIA AVANÇA E PEGA O FLUMINENSE PELA COPA DO BRASIL
VEJA O QUE O VASCO PRECISA PARA SE CLASSIFICAR NA PRÓXIMA FASE DA COPA DO BRASIL
PROVOCAÇÃO AO PALMEIRAS? LUCAS LIMA DÁ BOM DIA “COM MUITA ALEGRIA” NO TWITTER

Depois da longa viagem pelo interior do Pernambuco, a delegação grená retornou a Araraquara na madrugada desta sexta-feira. O goleiro Rodolfo, um dos destaques da equipe, falou do privilégio de ter conseguido a classificação, além de projetar o confronto contra o Tricolor carioca.

“Cumprimos com o dever [a classificação]. Agora vamos descansar, pois teremos mais uma batalha pela frente, que é o Fluminense. Temos que estar bem preparados para este jogo”, declarou.

Um dos líderes da equipe e principal ídolo da torcida afeana, o arqueiro destaca também o emocional da equipe, que vinha como sensação no Paulistão, mas na metade do campeonato correu o risco de ser rebaixada.

“Temos que ser profissionais. Nós jogadores temos que honrar a camisa que vestimos. Eu honrei e eles honraram também no jogo contra o Salgueiro. Na segunda parte do Campeonato Paulista nós não jogamos bem, mas isso já é passado. Conseguimos deixar a Ferroviária na primeira divisão e agora é tentar fazer uma bela campanha na Copa do Brasil”.

Agora, a diretoria da Ferrinha terá que trabalhar nos bastidores para garantir a manutenção do time. Isso porque o contrato da maioria dos jogadores encerra-se no dia 10 de maio.

Segundo informações obtidas pelo Torcedores.com, como boa parte dos jogadores são do Atlético-PR, a prioridade é de que os jogadores emprestados pelo Furacão renovem contrato com o clube paulista até o fim de sua participação na Copa do Brasil. O diretor de futebol, José Manoel Evaristo, declarou que alguns jogadores dificilmente ficarão no time após o encerramento do contrato caso a equipe avance no torneio mata-mata.

Por isso, o clube enviou um oficio à CBF pedindo para que os jogos sejam realizados nos dias 4 – jogo de ida, em Araraquara – e 11 – jogo de volta, no Rio de Janeiro, caso seja necessário – do próximo mês para que os jogadores cumpram o contrato sem que haja uma renovação de vínculo com tempo maior.