A cinco dias da decisão de vaga na Libertadores, The Strongest demite treinador

O clube boliviano The Strongest anunciou neste sábado a demissão de seu treinador, Mauricio Soria, faltando cinco dias para o jogo entre o Tigre e o São Paulo, em La Paz que decidirá uma vaga na próxima fase da Copa Libertadores de América.

A razão alegada pela agremiação é que havia um desgaste interno entre o comandante e integrantes da direção e elenco. Outra alegação é que Soria já não estava focado no clube, uma vez que ele tem seu nome cogitado para assumir a seleção da Bolívia no lugar de Julio Cesar Baldivieso.

O ambiente para Soria ficou mais desgastado após problemas nas viagens para os jogos contra Trujillianos, na Venezuela e River Plate, na Argentina e para o jogo contra o Tricolor Paulista, Sergio Luna assume de forma interina.

Em relação ao campeonato nacional, o The Strongest está na terceira posição com 18 pontos, seis de desvantagem para o líder, Jorge Wilstermann.

Foto: Reprodução Twitter