“Trataram-me como lixo”. Entenda o que irritou Hamilton antes do GP da Austrália

Credito da Foto: Reproducao/Twitter Oficial

Enfim, foi dada a largada para o início da temporada 2016 da Fórmula 1 e a primeira parada é no Grande Prêmio da Austrália. A prova está marcada para a madrugada de sábado para domingo, a partir de 1h30 (horário de Brasília). Antes de desembarcar na terra do canguru, o atual campeão, Lewis Hamilton, esteve em um Casino na Nova Zelândia e, segundo ele, foi “tratado como lixo” pelos funcionários do estabelecimento.

LEIA MAIS:

QUAIS AS EXPECTATIVAS DOS PILOTOS BRASILEIROS NA TEMPORADA 2016 DA FÓRMULA 1

A reclamação de Lewis foi feita através de sua conta oficial no twitter e o britânico não poupou críticas pedindo, inclusive, aos seus seguidores que não frequentem o local. “Que nunca vos passe pela cabeça ir ao casino de Auckland, trataram-me como lixo. Não posso acreditar o quão mal-educados foram. A pior experiência num casino”, desabafou.

Segundo meios de comunicação da região, o episódio teria acontecido pois, Hamilton se recusou a retirar os óculos e o boné que usara no momento, indo na direção contrária que seguem as regras de “dress code” (código de vestimenta), que exige o Casino.

Logo após tomar conhecimento da insatisfação do piloto, os responsáveis responderam por meio de uma rede social e comprometeram-se como forma de desculpas, segui-lo em sua página do twitter.

“Lamentamos muito que o Hamilton não tenha passado bem a última noite. Para demonstrar que somos bons anfitriões, vamos segui-lo agora, no Twitter”, disse a direção.

Hamilton foi procurado pela imprensa para comentar o ocorrido, porém, se recusou a dar mais detalhes sobre o assunto.