Palmeiras aciona a Conmebol contra ato racista de torcedor do Nacional-URU

Crédito da foto: Reprodução/FOX Sports

O Palmeiras anunciou nesta sexta-feira (18) que enviou para a Conmebol um vídeo com imagens de um torcedor cometendo um ato racista contra o atacante Gabriel Jesus, durante a derrota do clube para o Nacional, no Uruguai, pela Libertadores.

LEIA MAIS:

TORCEDOR DO NACIONAL IMITA MACACO EM PROVOCAÇÃO A GABRIEL JESUS, DO PALMEIRAS; ASSISTA

RELEMBRE ATOS DE RACISMO CONTRA BRASILEIROS NO FUTEBOL

NACIONAL PODE PERDER PONTOS POR RACISMO? VEJA O QUE A CONMEBOL COSTUMA FAZER

Durante a partida, já na segunda etapa, quando Jesus disputa uma bola com um jogador adversário, é possível observar que um homem se levanta na arquibancada, próxima ao gramado, e faz gestos imitando um macaco.

De acordo com a assessoria de imprensa do Verdão, ainda durante o jogo, dirigentes do clube foram até o delegado da partida para que o caso fosse relatado na súmula do jogo.

A assessoria ainda avisou que Gabriel Jesus não falará sobre o tema, ao menos por enquanto.

O Palmeiras desembarca em Guarulhos nesta sexta, às 16h30, e o atacante Dudu falará com a imprensa no saguão do aeroporto.

O clube ainda divulgou uma nota oficial sobre o assunto. Confira:

A Sociedade Esportiva Palmeiras vem a público para repudiar os atos racistas cometidos contra o atleta Gabriel Jesus na noite da última quinta, em Montevidéu. O clube reitera que condena quaisquer práticas que discriminem seres humanos por sua raça, cor, etnia, religião, gênero ou procedência nacional.
Informamos que, por meio do delegado da partida, encaminhamos as imagens para a Confederação Sul-Americana de Futebol a fim de que se tome as providências cabíveis.

Crédito da foto: Reprodução/Fox Sports