Opinião: trancos e barrancos do São Paulo

Crédito da foto: Divulgação/Rubens Chiri/ saopaulofc.net

Em uma fase conturbada, São Paulo empatou com o Trujillanos (da Venezuela) e deixou os torcedores cada vez mais aflitos. Nesta quarta-feira, o jogo ficou 1 a 1, mesmo enfrentando um time mais fraco do grupo A da Libertadores.

LEIA MAIS:
Opinião: São Paulo se complica na Taça Libertadores

No primeiro tempo, o Trujillanos marcou um gol e, 2 minutos após, o São Paulo empatou com um bonito gol de Ganso, que por sinal vem fazendo bons jogos pelo clube. No entanto, aos 19min do segundo tempo o jogador perdeu um gol que salvaria o placar. O pênalti cobrado por ele acertou o travessão, e certamente deixou torcedores são-paulinos a flor da pele.

Dentre os três jogos da Libertadores, o time brasileiro ainda não ganhou nenhum. Está com somente dois pontos no campeonato e perdeu a oportunidade nesta quarta-feira de aproximar-se do The Strongest, com 7 pontos, e River Plate, com 5.

A meta do clube seria ganhar as próximas três partidas, porém, há 7 anos o São Paulo não vence três seguidas em uma fase de grupos da Libertadores. Informação que deixa o são-paulino preocupado e nervoso, mas com um restante de esperança bem no fundo.