Opinião: Eventos no futebol europeu mostram como humanidade está sem rumo

Antes de termos uma paixão no futebol, basquete, vôlei, ou no esporte que for; somos seres humanos. Cada um de nós pensa, sente, deseja, tem raiva entre outras sensações que temos.

O que me causa espécie, a cada dia que passa é o fato de usar uma paixão por um clube para atitudes asquerosas em um local diferente. Se muitas vezes somos xenófobos contra quem nos visita ou mesmo realizamos piadas, que dizer de torcedores do PSV e do Sparta Praga.

Na terça-feira (15), torcedores do PSV (HOL) jogaram moedas no chão e riram de moradores de rua, numa atitude deplorável. Nesta quinta-feira (17), aconteceu algo pior. Um fã do Sparta Praga (TCH) resolveu urinar em cima de uma mulher que pedia dinheiro nas ruas de Roma para sobreviver.

Em comum nestes atos estão o fato de serem feitos fora de seus países, e expondo não apenas as vítimas ao ridículo, mas também a humanidade. É simplesmente vergonhoso e nojento que pessoas usem o esporte, seja qual for como arma de humilhação fora de campo, e pior, exibir comportamentos que mostram o quanto baixo um ser humano pode ser.

Estamos em tempos complicados, que estamos deixando a intolerância e o desrespeito falar alto. Prefiro derrotar meu adversário em campo, mas se puder, sair e beber uma cerveja, parar numa lanchonete e comer junto com ele, e nunca, jamais desejar que ele seja tratado como uma coisa qualquer, como um lixo.

Desde criança sempre fomos criados com a premissa de respeitar uns aos outros, então… Respeito é bom e todo mundo gosta. Usemos isso com sabedoria!

Foto: Reprodução YouTube