“Guardiola disse que ia cortar nossas partes íntimas”, diz atacante do Bayern após classificação

Reprodução/Facebook Oficial FC Bayern Munchen

De forma dramática, o Bayern de Munique, de Pep Guardiola, se classificou para as quartas de final da Liga dos Campeões, após buscar o empate e bater, na prorrogação, a Juventus na Allianz Arena na tarde desta quarta (16). Em entrevista à Sky Deutschland reproduzida no site Mundo Deportivo, Thomas Müller revelou o provável motivo da reação bávara na segunda etapa: uma frase inusitada do treinador.

LEIA MAIS:

GUARDIOLA DÁ BRONCA EM JOVEM DO BAYERN EM FRENTE AS CÂMERAS APÓS EMPATE; ASSISTA

No intervalo da partida, quando a equipe italiana vencia por 2 a 0 – fazendo com que os alemães precisassem de dois gols para levar a decisão para o tempo extra-, Guradiola não foi tão delicado assim ao exigir uma mudança de postura de seus comandados. “Ele disse que ia cortar nossas partes íntimas”, disse o atacante, aos risos, em relação ao caso do Bayern ser eliminado dentro de casa.

Por sinal, a “ameaça” do técnico espanhol fez efeito. Os bávaros conseguiram igualar o marcador com Lewandowski, aos 28, e o próprio Müller, aos 45 minutos do segundo tempo. Na prorrogação, Thiago Alcântara e Coman (ex-Juventus) colocaram os alemães nas quartas de final da competição. O sorteio dos confrontos da próxima fase será realizado nesta sexta (18), às 8h (horário de Brasília).



Jornalista formado pelo Mackenzie (SP) e pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Multimídias pela Anhembi Morumbi (SP). Apaixonado por esportes desde 1994. Especialista de Santos e Futebol Inglês no Torcedores.com. Contato: fernando.amaral.pba@hotmail.com