Noticiário político faz Globo perder início de jogos de Corinthians e Flamengo

Foto: Divulgação

A Rede Globo tinha tudo para ter uma noite promissora de futebol nesta quarta-feira (16). Isso porque transmitira partidas de Corinthians e Flamengo, equipes de maior torcida no país, em torneios importantes. Mas a crise política no Brasil “atrapalhou” os planos da emissora.

LEIA MAIS:
A MENOS DE 5 MESES DA OLIMPÍADA, MINISTRO DO ESPORTE DO BRASIL VAI MUDAR
FLAMENGO X CONFIANÇA: SAIBA AONDE ASSISTIR AO VIVO NA TV
FLAMENGO X CONFIANÇA-SE: ACOMPANHE O PLACAR AO VIVO
CORINTHIANS X CERRO PORTEÑO: SAIBA COMO ASSISTIR AO VIVO NA TV
CORINTHIANS X CERRO PORTEÑO: ACOMPANHE O PLACAR AO VIVO

Pouco antes do início de Corinthians x Cerro Porteño, pela quarta rodada da fase de grupos da Copa Libertadores da América, e de Confiança-SE x Flamengo, pela primeira fase da Copa do Brasil, o apresentador do “Jornal Nacional” William Bonner apresentava um boletim sobre manifestações contra o governo federal. Acontece que o tempo extrapolou um pouco e as duas partidas, marcadas para 21h45, tiveram o início da transmissão cortada.

Cléber Machado, responsável pela transmissão de Corinthians x Cerro Porteño para os Estados de São Paulo, Paraná, Rio Grande do Sul, Goiás, Tocantins, Mato Grosso, Matro Grosso do Sul, Pernambuco e Amapá, e Luís Roberto, narrador de Confiança-SE x Flamengo para os Estados do Rio de Janeiro, Espírito Santo, Sergipe, Paraíba, Piauí, Maranhão, Amazonas, Rondônia, Roraima, Acre e o Distrito Federal, tiveram de improvisar.

“Já temos um minuto de bola rolando aqui na Arena Corinthians”, disse Cléber Machado. “Naturalmente a Globo acompanha o noticiário político do Brasil e vai continuar acompanhando, como disse o William Bonner”, completou o narrador.

No Twitter, o atraso não deixou os internautas felizes:



Jornalista, editor do Torcedores.com. Passagens pelos jornais Metro, O Estado de S. Paulo, Jornal da Tarde, Marca Brasil, Agora São Paulo, Diário de S. Paulo e Diário do Grande ABC.