Desimpedidos divulga ‘conversa’ entre Dilma Rousseff e presidente do Palmeiras

Reprodução/Facebook

Na onda da conversa grampeada entre a presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva, divulgada na última quarta-feira (16), o canal de humor Desimpedidos descobriu que a chefe de Estado não conversou apenas com Lula. Dilma também “bateu um papo” com o presidente do Palmeiras, Paulo Nobre.

LEIA MAIS:
NOTICIÁRIO POLÍTICO FAZ GLOBO PERDER INÍCIO DE JOGOS DE CORINTHIANS E FLAMENGO
A MENOS DE 5 MESES DA OLIMPÍADA, MINISTRO DO ESPORTE DO BRASIL VAI MUDAR

O assunto era o polêmico campeonato mundial conquistado pelo Palmeiras em 1951. Na ligação grampeada, Dilma “afirma” a Paulo Nobre que tem um fax que comprova o título do Verdão.

EXCLUSIVO!Grampearam o telefone da presidenta e o Desimpedidos teve acesso à ligação entre Dilma e Paulo Nobre, presidente do Palmeiras. Ouça a conversa na íntegra no vídeo abaixo.

Publicado por desimpedidos em Quinta, 17 de março de 2016

“Mas só usa em caso de necessidade porque o Lula, que é corintiano, quer conseguir o terceiro mandato com apenas duas eleições, tá?”, “disse” Dilma a Paulo Nobre, que “concorda”.

Na gravação real, interceptada pela Polícia Federal e divulgada pelo juiz Sérgio Moro, Dilma diz o seguinte a Lula: “Seguinte, eu tô mandando o ‘Bessias’ junto com o papel pra gente ter ele, e só usa em caso de necessidade, que é o termo de posse, tá?”. As respostas de Lula são idênticas às “dadas” por Paulo Nobre.

“Bessias”, no caso, seria o procurador da Fazenda Jorge Messias, que atua na subchefia de assuntos jurídicos da Casa Civil.

Vale lembrar que, com a polêmica das ligações grampeadas e manifestações pelo Brasil, a transmissão das partidas de Flamengo e Corinthians (que na quarta-feira enfrentaram Confiança-SE pela Copa do Brasil e Cerro Porteño pela Copa Libertadores da América, respectivamente), foram iniciadas com atraso pela Rede Globo.



Jornalista, editor do Torcedores.com. Passagens pelos jornais Metro, O Estado de S. Paulo, Jornal da Tarde, Marca Brasil, Agora São Paulo, Diário de S. Paulo e Diário do Grande ABC.