São Bernardo e Água Santa podem se beneficiar com aumento de vagas para a Série D

Crédito da foto: Reprodução/Site da CBF

Nesta terça-feira a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) anunciou mudanças no Campeonato Brasileiro da Quarta Divisão. A partir deste ano a competição terá quarenta e oito equipes, 8 a mais que no ano anterior. O estado de São Paulo passa a ter 2 vagas a mais. São Bernardo e Água Santa miram a classificação.

 

LEIA MAIS:

FPF define novas vagas para a Série D; saiba quais times se beneficiaram

 

Para montar a tabela, a entidade utiliza o Ranking Nacional das Federações. A partir de agora, São Paulo vai passar a ter 4 times, Rio de Janeiro e Minas 3 e Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Paraná, Pernambuco, Goiás, Bahia, Ceará, Rio Grande do Norte, Alagoas e Pará terão 2 equipes.

Com a reformulação, a disputa vai mudar de formato. Serão doze grupos com 4 equipes cada. As chaves vão jogar turno e returno e os dois melhores de cada grupo, junto com os 8 melhores terceiros colocados se classificam para a próxima fase, somando trinta e dois times que disputarão o mata-mata.

Em nota emitida pela CBF, o diretor de competições, Manoel Flores informa que a mudança deve beneficiar equipes que não têm um calendário de jogos no segundo semestre, quando terminam os campeonatos regionais.

” A CBF acredita que, com esta modificação, está estimulando o surgimento de novos talentos, garantindo emprego e renda para os que trabalham com o futebol e movimentando a torcida local, que poderá acompanhar seus times preferidos e vibrar com seus jogadores”, conta o diretor.

Buscando reabilitação no Paulista, São Bernardo e Água Santa possuem um motivo a mais para fugirem da parte de baixo da tabela.

O Tigre está na lanterna do grupo B com 10 pontos e em décimo sexto na classificação geral. Para fugir da degola, a equipe precisa arrancar no campeonato, vencendo os dois próximos jogos, que podem definir o futuro do time na competição. Domingo a equipe visita a Ferroviária na Fonte Luminosa, e em seguida recebe o Corinthians no Primeiro de Maio.

Já o Água Santa, com 11 pontos no grupo C, se mantém na décima segunda posição geral da tabela e precisa deixar de oscilar no campeonato, caso queira pela primeira vez disputar um campeonato nacional. Com 3 acessos consecutivos no estadual, o caçula do Paulistão tem como prioridade a manutenção na série A1.