Trocas na NBA: confira as melhores opções para cada time

crédito: reprodução/facebook NBA

Em todo ano, o mercado da NBA se agita no mês de fevereiro com a aproximação da data-limite de trocas. Desta vez, o dia mais agitado do mercado norte-americano acontece na próxima quinta-feira (18/02), e muitas especulações vêm sendo feitas. O Torcedores.com te ajuda a saber quais grandes jogadores estão sendo sondados para serem trocados, o que cada um dos 32 times precisa neste momento da temporada e quais deles estão mais suscetíveis a fazerem grandes negócios até a data-limite.

LEIA MAIS
Dwayne Wade presenteia Kobe Bryant com conta na Netflix
VÍDEO: COMPARE O CONCURSO DE ENTERRADAS DE 1988 COM O DE 2016

Atlanta Hawks

O Atlanta Hawks possui um elenco muito bom, mas que não se provou bom o suficiente para avançar às finais da NBA no ano passado. A campanha nesta temporada é bem inferior a da última temporada, embora o time ocupe a quarta colocação da Conferência Leste. Uma boa opção para Atlanta seria trocar o armador veterano Jeff Teague. Eles já possuem Dennis Schroder, um jogador mais jovem, mais barato e mais físico. Para o seu lugar, podem ir atrás de um jogador que ajude nos arremessos e na pontuação.

 

Boston Celtics

O Boston Celtics é um time que provavelmente teste o mercado de trocas até quinta-feira. Grata surpresa da temporada de 2015-16, os Celtics ocupam a terceira colocação da Conferência Leste sem a presença de um grande astro, como LeBron James ou Carmelo Anthony. Além disso, Boston possui, pelas trocas feitas em anos anteriores, muitas escolhas futuras do draft que podem servir como moeda de troca, sem falar nos jogadores muito jovens, como Marcus Smart e Avery Bradley, alvos de equipes rivais. Uma boa opção para o time seria adquirir uma grande estrela capaz de ajudar os novatos, como DeMarcus Cousins, Al Horford ou Kevin Love, nomes que vêm sendo sondados pela imprensa local.

 

Brooklyn Nets

Um dos piores times da NBA, com apenas 14 vitórias e 40 derrotas, o Brooklyn Nets precisa de uma reformulação e muito provavelmente fará trocas até quinta-feira. Especula-se que nenhum jogador esteja seguro em Nova York, ainda que o dono do time, Mikhail Prokhorov, esteja relutante em trocar Brook Lopez e Thaddeus Young (de acordo com o jornalista Howard Beck, do Bleacher Report’s)

 

Charlotte Hornets

O time de Michael Jordan tem lutado até agora por uma vaga nos playoffs na Conferência Leste e pode testar o mercado de trocas para reforçar o time nesta reta final, ainda mais com a lesão de Michael Kidd-Gilchrist, estrela do time. Entretanto, o time não possui muitas moedas de troca que possam trazer alguém de peso. O jornalistas Mitch Lawrence, do site Sporting News, reportou que o time tem interesse no jogador dos Nets Bojan Bogdanovic. Mas não é provável que Charlotte faça grandes aquisições antes da próxima pré-temporada, entretanto.

 

Chicago Bulls

O time que ocupa a sétima posição na Conferência Leste é visto com desconfiança pela mídia local. Os jornalistas e boa parte dos torcedores não acredita que o time vá longe na pós-temporada. Os Bulls podem testar o mercado, na busca de jogadores mais jovens e mais saudáveis, que possam agregar principalmente no ataque. Pau Gasol, Taj Gibson e Joakim Noah podem virar moeda de troca e serem envolvidos em negociações até quinta-feira.

 

Cleveland Cavaliers

Mesmo sendo o líder da Conferência Leste, o Cleveland Cavaliers vem sendo alvo de muitas especulações de trocas. Apesar de ser o melhor do Leste, os Cavs tem algumas falhas a serem corrigidas e podem envolver uma de suas maiores estrelas, o pivô Kevin Love, em uma troca com outros times. Love não faz a melhor temporada de sua vida e é um jogador muito visado pelos rivais. De acordo com o jornalista do Cleveland.com Chris Haynes, o time tem interesse em jogadores que agreguem na linha de três pontos, como Ben McLemore, Trevor Ariza, Kyle Korver e Jared Dudley.

 

Dallas Mavericks

Atualmente na sexta colocação da Conferêcia Oeste, Dallas é um time que não deve fazer grandes trocas até quinta-feira. O elenco não tem muitos jogadores que possam fazer  mais do que aquilo que se espera deles em quadra.

 

Denver Nuggets

Denver passa por uma reformulação. O time tem focado em jogadores talentosos e com idade inferior a 25 anos. Não deve ir atrás de uma grande estrela, e sim conseguir escolhas futuras do draft. Para isso, o time pode oferecer veteranos, como J.J Hickson, Randy Foye, Jammer Nelson, Mike Miller e até Kenneth Faried, uma das grandes estrelas do time, que pode valer mais no mercado de troca.

 

Detroit Pistons

Detroit está na luta pela última vaga da Conferência Leste e podem usar as trocas como meio de assegurar a oitava posição. Se o time optar por testar o mercado, poderia ir atrás de um ala-pivô. Uma opção para conseguir alguém de peso é utilizar o armador Brandon Jennings como moeda de troca.

 

Golden State Warriors

Um time que tem apenas QUATRO derrotas em cinquenta e duas partidas não precisa trocar ninguém. Já diria o ditado: em time que está ganhando, não se mexe.

 

Houston Rockets

Um dos times da NBA mais cotados para realizar grandes trocas até quinta-feira. O astro Dwight Howard se tornará um free agent ao final desta temporada, então seria vantajoso para Houston trocá-lo agora e conseguir bons jogadores em troca, do que perdê-lo de graça no final da temporada. De acordo com o jornalista Adrian Wojnarowski, Houston já está conversando com outras equipes para trocá-lo. O jornalista Calvin Watkins, do ESPN.com, indicam que Terrence Jones, Corey Brewer e Ty Lawson também devem ser envolvidos em trocas. Uma troca com os jovens jogadores que Boston oferece, faria sentido aos Rockets

 

Indiana Pacers

Não é um dos times que devem fazer grandes trocas até quinta-feira. Há um rumor, entretanto, divulgado pelos jornalistas do site ESPN.com Kevin Arnovitz e Brian Windhorst, que o time ofereceu o jogador Geroge Hill pelo armador do Atlanta Hawks Jeff Teague.

 

Los Angeles Clippers

Muito se falou em trocar o astro Blake Griffin, ainda mais depois que o jogador quebrou a mão ao agredir um funcionário da equipe. Mas é pouco provável que o time troque sua maior estrela, de acordo com o jornalista Marc Stein, do ESPN.com. Os Clippers devem buscar reforço para o elenco, entretanto.

 

Los Angeles Lakers

É um time que deve ser bastante procurado até quinta-feira pelos jovens jogadores que tem no elenco. O time, que perderá o astro Kobe Bryant no ano que vem, precisará se reformular. De acordo com o jornalista Marc Stein, do ESPN.com, os Lakers estariam dispostos a utilizar seus veteranos Roy Hibbert, Brandon Bass, Nick Young e Lou Williams como moeda de troca. Entretanto, os Lakers devem segurar as grandes movimentações para a próxima pré-temporada.

 

Memphis Grizzlies

O experiente e bom time de memphis ocupa a quinta colocação da Conferência Oeste. Entretanto, com um elenco envelhecido, o time precisa de um jogador mais rápido e dinâmico e que agregue no ataque. De acordo com o jornalista do site The Vertical Adrian Wojnarowski, “os Grizzlies estão determinados em usar a data-limite de trocas para melhorar o elenco na luta pelos playoffs”. Para isso, pode se livrar de alguns jogadores que virarão free agents na próxima temporada e trazer um jogador que agregue na linha de 3 pontos.

 

Miami Heat

Na quinta colocação da Conferência Leste, Miami tem uma série de problemas que poderiam ser resolvidos no mercado de trocas, mas isso não deve ocorrer, já que o time sofre com um problema de limite financeiro. Isso deve impedi-los de buscar um grande reforço. Mas, o time deve dedicar o tempo até quinta-feira na busca de um jogador eficiente nos arremessos, como Mori Casspi ou Mirza Teletovic (de acordo com o jornalista Ethan Skolkick, do jornal Miami Herald, o time tem o interesse nesses dois jogadores)

 

Milwaukee Bucks

Na última posição da divisão Central da Conferência Leste, os Bucks são um time que poderiam fazer uma grande troca para melhorar. De acordo com o jornalista Gery Woelfel, do jornal Racine Journal Times, os Bucs estariam dispostos em negociar dois de seus melhores jogadores: Michael Carter-Williams e Greg Monroe.

 

Minesotta Timberwolves

Apesar de ser um dos três piores times da Conferência Oeste, o Minesotta Timberwolves não deve fazer muita coisa até quinta-feira. O time tem bons prospectos que vem sendo lapidados para o futuro. De acordo com o jornalista do jornal The Vertical Bobby Marks, “a expectativa para os Wolves é que o elenco permaneça intacto após o limite de trocas”.

 

New Orleans Pelicans

Com lesões de jogadores de bom valor de troca, como Tyreke Evans (fora da temporada por uma lesão no joelho) e Eric Gordon (lidando com um dedo quebrado), os Pelicans não devem fazer grandes coisas até quinta-feira e devem focar no próximo draft para trazer um jogador bom para fazer par com Anthony Davis. O jogador Ryan Anderson, entretanto, tem despertado interesse de outros times. De acordo com o jornalista da CBS Sports Ken Berger, “o time teria um pequeno interesse em trocá-lo”.

 

New York Knicks

Muito se falou em uma grande troca envolvendo o astro Carmelo Antonhy, mas o próprio jogador desmentiu os boatos em uma entrevista a uma rádio de Nova York. De acordo com o jornalista da ESPN.com Ian Begley, os Knicks tem interesse em trazer armadores para ajudar Carmelo e o calouro sensação Kristaps Porzingis. Jeff Teague, Dennis Schroder e Brandon Jennings são nomes populares na Big Apple.

 

Oklahoma City Thunder

Mesmo tendo duas grandes estrelas da NBA, o Oklahoma City Thunder está um passo atrás dos líderes do Oeste Golden State Warriors e San Antonio Spurs. O time entretanto não tem muito orçamento para reforçar o time até quinta-feira. Eles podem ir atrás de um jogador que agregue nos 3 pontos e na defesa e que seja barato, como Courtney Lee ou P.J Tucker.

 

Orlando Magic

Na última posição de sua divisão e com jogadores jovens e talentosos, Orlando é um time que pode fazer grandes movimentações até quinta-feira. Segundo o jornalista do site Basketball Insider, ” o único jeito de Orlando trocar seus bons jogadores é se conseguirem uma grande estrela em troca. É isso que o Magic busca para a data-limite na quinta-feira”. Kyler também reportou que o time teria interesse em trocar Victor Oladipo por Jeff Teague, além de tentar trazer Blake Griffin e outros jogadores.

 

Philadelphia 76ers

Pior time da NBA, o Philadelphia 76ers está com as mãos atadas. Suas melhores moedas de toca são impossíveis de serem negociadas. Eles ão podem vender Joel Embiid ou Dario Saric sem vê-los jogar, e não podem trocar Nerlens Noel ou Jahil Okafor até ver como eles se encaixam com suas estrelas vindo do draft. Não devem fazer grandes trocas até quinta-feira, portanto

 

Phoenix Suns

O Phoenix Suns deve ser um dos times mais acionados pelos outros até quinta-feira. Isso porque pretendem trocar o esquentado ala Markieff Morris. Além dele, o time tem interesse em negociar o veterano P.J Tucker, o bom arremessador de fora Mirza Teletovic e Bradon Knight.

 

Portland Trail Blazzers

Com 27 vitórias e 27 derrotas, o time ocupa a sétima colocação da Conferência Oeste e é um dos times que tem mais dinheiro em caixa para uma possível troca. Entretanto, não houve muitas especulações de troca envolvendo os Trail Blazzers.

 

Sacramento Kings

Muitos times tem demonstrado interesse em propor trocas ao Sacramento Kings pela maior estrela do time, DeMarcus Cousins. Entretanto, não parece ser um bom negócio pra os Kings, que há nove anos não se classificam para os playoffs e se posicionaram contra a troca do jogador. O time precisa desesperadamente de peças defensivas, entretanto.  Segundo o jornalista Marc Stein, eles estariam dispostos a trocar o jogador Rudy Gay.

 

San Antonio Spurs

Outro time que não precisa fazer nada até quinta feira. Os Spurs tem alguns números melhores que os do Golden State Warriors, e não devem mover um dedo até quinta-feira.

 

Toronto Raptors

Toronto se consolidou como a segunda força da Conferência Leste, mas isso não significa que o time não precise de reforços. Com DeMarre Carroll fora por uma cirurgia no joelho, o time precisa de peças para compor o time. Segundo Marc Stein, os Raptor tiveram contato com Kenneth Faried, Thaddeus Young, Markieff Morris e P.J Tucker.

 

Utah Jazz

O time do Utah Jazz vem melhorando desde que o francês Rudy Gobert retornou após uma lesão. De acordo com o jornalista Andy Larsen, o Jazz tem interesse em trazer um armador que agregue imediatamente o time, enquanto Dante Exum se recupera. Jeff Teague, Jrue Holiday e George Hill são alguns jogadores que preencheriam bem a posição.

 

Washington Wizards

O Washington Wizards tem planos para a próxima pré-temporada: trazer para a capital americana o nativo da cidade e grande estrela da NBA, Kevin Durant. Em virtude disto, não deve fazer grandes coisas até quinta-feira. Segundo o jornalista Steve Kyler, entretanto, Washington teria certo interesse em Ryan Anderson, P.J Tucker e Trevor Booker.



Paulistano, 27 anos, deixou a publicidade e o marketing esportivo para ingressar no jornalismo e conseguir cobrir grandes eventos esportivos. Apaixonado por esportes olímpicos e futebol americano, sonha em estar no Rio de janeiro em 2016 para cobrir os Jogos Olímpicos in loco.