Saiba quem é o ex-flamenguista que está no caminho do Grêmio na Libertadores

Botinelli - Crédito da foto: Divulgação/Flamengo.

O Toluca, primeiro rival do Grêmio na Libertadores, tem em seu elenco um velho conhecido dos brasileiros. Trata-se do argentino Darío Bottinelli, que ganhou fama no Brasil depois de defender o Flamengo entre 2011 e 2012, tendo feito quase 100 partidas pelo rubro-negro carioca. O jogador tem revezado no time titular do Toluca com Cueva, peruano que conta com a simpatia da torcida.

LEIA MAIS:

Rival conhecido: Grêmio já enfrentou Toluca duas vezes na história

Estádio de rival do Palmeiras trocou de nome em homenagem a goleiro morto

Caso pretenda modificar o seu time para o confronto contra o Grêmio, na quarta-feira, o técnico Jose Cardoso tem em Bottinelli uma das opções para redesenhar o setor ofensivo – no momento, o mais criticado da equipe. Atualmente, o Toluca é apenas o 12° colocado no Campeonato Mexicano e já não vence há um mês, o que tem colocado enorme pressão sobre Cardozo, ex-jogador do próprio clube, presente na seleção do Paraguai nas Copas de 1998 e 2002.

“O Toluca é um time que é definitivamente sólido na defesa. Mas muitas vezes ocorre a seguinte situação. Acaba fazendo um gol e acha que vai segurar normalmente o placar. Então vem a sofrer um gol no fim e toma o empate. Precisa melhorar neste aspecto”, salientou ao Globoesporte.com o jornalista Omar Villareal, da TV Azteca.

Ao sair do Flamengo no final de 2012, Bottinelli foi contratado pelo Coritiba, mas a sorte não lhe acompanhou. Em um treinamento com o grupo principal, o meia acabou sendo atingido por um forte carrinho do também meia Lincoln, o que resultou em uma fratura no tornozelo direito. Mesmo recuperado, seguiu sem muitas chances no clube paranaense e seguiu para o Universidad Católica, do Chile. Em 2015, foi contratado pelo Toluca.



Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Fã de esportes, sobretudo tênis. Colorado por paixão, jornalista por vocação e tenista por opção.