Saiba quanto o Santos pode ganhar com a negociação de Ricardo Oliveira

(Foto: Reprodução/Flickr Santos FC)

O Santos teria fechado acordo para a liberação de Ricardo Oliveira.  Segundo apuração da Gazeta Esportiva Net, o estafe do jogador confirma que o atacante está deixando o Santos por proposta do Beijing Guoan, da China, irrecusável para o jogador e que garantirá um ótimo retorno aos cofres santistas.  Saiba quais seriam os valores envolvidos.

LEIA MAIS

Qual o legado de Ricardo Oliveira no Santos?

Santos já bateu o Mogi Mirim, no Pacaembu, em dia de 1º gol de Neymar

Lucas Lima: “Criamos mais, as nossas chances foram mais claras de gol”

Dorival Júnior: Eu confio muito no crescimento da equipe do Santos”

Gabriel: “Criamos mais, fomos melhores, eu acabei desperdiçando”

O Santos irá liberar o  seu artilheiro por cerca de 10 milhões de euros (aproximadamente R$ 43,6 milhões), é o que garante o site Gazeta Esportiva Net. O Blog do Boleiro também afirma que Ricardo Oliveira está de malas prontas para China. O estafe do jogador teria confirmado a negociação com o Beijing Guoan, da China. A proposta irrecusável envolve a bagatela de R$ 2 milhões por mês. O que é um valor elevado, principalmente para um jogador com 35 anos, deve ser a última grande oferta salarial ao jogador em sua carreira.

Ricardo teve duas passagens pelo Santos. Na primeira, em 2003, veio substituir Alberto, campeão brasileiro em 2002, para defender a equipe de meninos da Vila na Libertadores de 2003, onde chegou ao vice-campeonato. Na segunda passagem chegou à artilharia entre os jogadores atuando no Brasil, com trinta e sete gols marcados na temporada 2015, conquistando uma renovação salarial. Foram onze gols pelo Campeonato Paulista de 2015, vinte gols pelo Campeonato Brasileiro de 2015 e seis gols pela Copa do Brasil 2015, além da artilharia das duas primeiras competições. O sucesso do artilheiro contribuiu para que o Santos conquistasse o Campeonato Paulista e alcançasse a final da Copa do Brasil.

Em 2016 foram dois gols marcados pelo Paulistão.

 Crédito da foto: Reprodução/Instagram Santos FC