Primeira Liga comemora público na reabertura da Arena da Baixada

Mauricio Mano/Site Oficial

Não foi apenas a vitória do Atlético-PR diante do Criciúma que foi motivo de festa em Curitiba. Pela primeira vez na história, entre os grandes clubes brasileiros, uma partida foi disputada em grama sintética.

LEIA MAIS:
Primeira Liga tem presença de público 390% maior que o Campeonato Carioca

A importância da partida para as pretensões das equipes dentro da Primeira Liga e a estreia do novo gramado serviram de atrativo para o público. Estiveram presentes na Arena da Baixada 35.746 torcedores. Este número entra para a história como o maior público registrado até então no estádio.

O duelo com a equipe catarinense supera, inclusive, os 31.700 pagantes registrados na vitória sobre o São Caetano, na final do Campeonato Brasileiro de 2001. O jogo do Atlético-PR contra o Criciúma também torna-se o maior público da Primeira Liga, superando os 29.032 pagantes da derrota do Atlético-MG para o Flamengo, no Mineirão, na abertura da competição.

O recorde geral da Arena da Baixada ainda é da Copa do Mundo de 2014. A vitória da Espanha sobre a Austrália teve 39.375 presentes.

Diretor jurídico da Primeira Liga, o advogado Eduardo Carlezzo agradeceu o empenho do Atlético-PR na realização da partida. “Gostaria de parabenizar a diretoria e a torcida do Atlético pelo show de organização e alegria dentro do estádio. Momentos como este mostram que a Primeira Liga está no caminho certo e que estamos em plenas condições de colaborar com a melhoria do futebol nacional”.

O próximo compromisso do Atlético-PR na Primeira Liga será contra o Cruzeiro, no dia 9 de março, uma quarta-feira, às 19h30 (horário de Brasília), no Mineirão.

Agora, ele volta as atenções para o estadual. Enfrenta o Paraná Clube no domingo, às 19h30, na Vila Capanema, pela sétima rodada do Campeonato Paranaense.

Resumo da partida: Atletico PR 1×0 Coritiba

O Atlético-PR desperdiçou muitas chances de gol, mas derrotou o Criciúma por 1 a 0. O Furacão atacou durante os 90 minutos, mas só foi abrir o placar com o volante Otávio, aos 41 minutos do segundo tempo.

Ele aproveitou bela jogada feita por Walter, Vinícius e André Lima e finalizou da entrada da área. A bola desviou na zaga e entrou. Com o resultado, o Furacão fica muito próximo da classificação para a semifinal da Primeira Liga, enquanto o Criciúma está praticamente eliminado.



Futuro estatístico. Aliando números com o esporte.