Pé quente, Calleri ‘deitou’ no Pacaembu pelo São Paulo; relembre

Crédito da foto: Divulgação/saopaulofc.net

O argentino Jonathan Calleri tem pouco tempo de São Paulo. Foram dois jogos apenas com a camisa tricolor, mas com atuações convincentes que fizeram com o que o atleta tenha condições de brigar pelo posto de titular. Nesta quarta-feira (10), ele será o comandante do ataque são-paulino diante da Universidad César Vallejo. O jogo acontece às 21h45 (no horário de Brasília) pela volta da fase preliminar a Taça Libertadores.

LEIA MAIS:
LIBERTADORES: SÃO PAULO CONFIRMA CALLERI COMO TITULAR DIANTE DO UNIVERSIDAD CÉSAR VALLEJOEM DOIS JOGOS, CALLERI JÁ ESTÁ NA HISTÓRIA DO SÃO PAULO
MESMO COM TRÊS GOLS EM DOIS JOGOS, CALLERI NÃO SE VÊ COMO TITULAR NO SÃO PAULO

E o duelo será em um palco que o camisa 12 do São Paulo se mostrou muito à vontade: o estádio do Pacaembu.

No último sábado (6), o argentino abriu o caminho para a goleada tricolor sobre o Água Santa, por 4 a 0, com dois belos gols.

Diante do clube de Diadema, Calleri foi titular. Mas mesmo quando ele sai do banco de reservas ele tem sido decisivo. Foi assim na quarta-feira da semana passada (3). O Tricolor estava perdendo por 1 a 0 do Universidad César Vallejo, em Trujillo, no Peru. Após entrar na partida, o argentino anotou o gol que deu o empate ao São Paulo – e deixou o clube próximo da classificação para a fase de grupos da Taça Libertadores.

E nesta quarta-feira (10) o camisa 12 foi pé quente antes mesmo de entrar em campo. Calleri seria, inicialmente, reserva. Mas o titular Alan Kardec foi vetado da partida por conta de uma amigdalite, abrindo espaço para o ex-jogador do Boca Juniors.



Jornalista, editor do Torcedores.com. Passagens pelos jornais Metro, O Estado de S. Paulo, Jornal da Tarde, Marca Brasil, Agora São Paulo, Diário de S. Paulo e Diário do Grande ABC.