Huracán recebe o Atlético Nacional e estreia na Libertadores com derrota

Crédito da foto: Reprodução/ Facebook oficial Club Atlético Nacional Oficial

Após uma complicada pré-Libertadores e um acidente automobilístico com sua delegação, o Huracan estreou em casa contra o Atlético Nacional e saiu derrotado.

LEIA MAIS:
Saiba quem são os jogadores mais valiosos da Libertadores

A estreia do Huracán na fase de grupos da Copa Libertadores com certeza não foi como imaginava o seu torcedor. Na noite de terça, em partida válida pelo grupo quatro, e, jogando em Buenos Aires, no Estádio Tomas Adolfo Duco, o time argentino não aguentou a pressão exercida pela equipe colombiana – principalmente quando passou a ter um homem a mais – e saiu de campo derrotado por 2 a 0. O destaque da partida foi Marlos Moreno, que marcou um gol e deu a assistência para o segundo, marcado por Orlando Berrio.

Após passar pela fase pré-Libertadores – em dois confrontos emocionantes contra o Caracas – e enfrentar um acidente com o ônibus de sua delegação ainda em território venezuelano, o Huracán voltou a campo pela Copa Libertadores, dessa vez para enfrentar o Atlético Nacional, e perdeu. Com o resultado obtido e os três pontos, os colombianos se consolidam confortavelmente como líderes do grupo nesta primeira rodada. No jogo de abertura ocorrido na semana passada o Sporting Cristal, do Peru, e o Peñarol, do Uruguai, empataram por 1 a 1.

Jogando em casa, o Huracán até tentou exercer uma pressão inicial, e, aos quinze minutos Montenegro cobrou falta perigosa e obrigou o goleiro Armani a fazer boa defesa. O jogo se manteve equilibrado, até que aos 45 minutos do primeiro tempo Moreno recebe um bom passe de Perez, avança e chuta cruzado para abrir o placar.

Na segunda etapa, o jogo se manteve da mesma forma que no primeiro tempo. O Huracán até tentava pressionar, mas a equipe colombiana se mantinha forte na defesa. Quando aos 27 minutos ocorre o lance capital da partida, Federico Mancinelli fez falta feia e foi expulso direto. Utilizando de um veloz contra-ataque, o Atlético fez valer a vantagem numérica e aos 38 minutos ampliou o placar para 2 a 0. Orlando Berrío, que havia entrado há poucos minutos no jogo, recebeu excelente lançamento de Moreno, driblou o goleiro e, quase em cima da linha, mandou para o fundo das redes.

Na próxima rodada, diante de seu torcedor, a equipe colombiana enfrentará o Sporting Cristal, às 21h45 (horário de Brasília). Já o Huracán, vai até ao Uruguai enfrentar o Penharol no Estádio Centenário. O confronto entre argentinos e uruguaios acontece na mesma data e horário da partida de seus oponentes de grupo.