Há exatamente 5 anos o Corinthians vendia Éverton Ribeiro; hoje o meia vale 34 vezes mais

Everton Ribeiro
Getty Images

Mesmo depois do Corinthians vencer todos os títulos que disputou nos últimos anos, uma das principais criticas é sobre o clube não valorizar os garotos da base. Um desses grandes exemplos é Éverton Ribeiro. Neste 24 de fevereiro de 2016 completa cinco anos de sua rescisão com o Timão e sua venda para o Coritiba por, digamos, “preço de banana”.

Everton Ribeiro foi revelado pelo Corinthians em 2007 e no ano seguinte foi emprestado ao São Caetano onde ficou por três anos. Em 2011 ele voltou ao Timão, mas Tite não quis contar com o jogador que foi vendido ao Coritiba por R$ 1,5 milhões na época. Em 2013, após ter trabalhado com Marcelo Oliveira no Coxa, o treinador pediu sua contratação no Cruzeiro e assim o meia foi negociado por R$ 4 milhões.

No entanto, após ter conquistado o bi-campeonato brasileiro e ter sido convocado para a seleção, Everton Ribeiro foi vendido para o Oriente Médio, mais precisamente para o Al Ahly, dos Emirados Árabes, por R$ 25 milhões.

O mais curioso é que por ser o time formador de Éverton Ribeiro e por manter 10% do passe do atleta, o Corinthians recebeu mais pela venda do Cruzeiro para o Al Ahly, do que quando vendeu o jogador para o Coritiba. Com a porcentagem mais o mecanismo de solidariedade da FIFA, o Timão recebeu R$ 3,3 milhões pela transferência.

Atualmente, o valor de mercado de Éverton Ribeiro, segundo o site de transferências Transfermarkt, é de 12 milhões de euros (cerca de R$ 52 milhões), ou seja, 34 vezes mais o valor pelo qual o jogador foi vendido para o Coritiba há cinco anos.

OBS: Créditos também para o perfil no Twitter Rede do Futebol, que lembrou da rescisão do jogador

Rescisão Éverton Ribeiro: 

everton ribeiro

Valor de mercado Éverton Ribeiro: 

valor everton ribeiro



Jornalista. Como todo torcedor também gosto de dar meus pitacos. Fã da seleção italiana, do Milan e do Arsenal.