Em noite de falhas e emoções, Ituano supera Ferroviária e respira no Paulistão

Crédito: Helter Torres / Os Campeões da Bola

Em jogo eletrizante, Ituano e Ferroviária protagonizaram, talvez, o jogo mais emocionante da sexta rodada do Paulistão. E quem levou a melhor foi o Galo, que bateu a Locomotiva pelo placar de 3 a 2. O personagem da partida acabou sendo o goleiro Alexandre Cajuru, falhando em dois gols da equipe da casa.

Com o placar de 2 a 0 conquistado na primeira etapa, o treinador Sérgio Vieira promoveu substituições ainda na primeira etapa, mas elas surtiram efeito no segundo tempo. Com gol de Matheus Rossetto e Rafinha, a Locomotiva empatava até os 40 minutos com um jogador a menos, quando o atacante Ruan garantiu a vitória para o Galo de Itu.

LEIA MAIS:
GOLEIRO DA FERROVIÁRIA FALHA BISONHAMENTE EM GOL DO ITUANO; ASSISTA
SANTOS 4 X 1 MOGI MIRIM: ASSISTA AOS GOLS DA PARTIDA

Agora, o Ituano chegou a 8 pontos no grupo B e ocupa, de forma parcial, a liderança da chave, já que o Palmeiras encara, em instantes, a equipe do XV de Piracicaba fora de casa. Já a Ferroviária, com os gols sofridos, perdeu a liderança do grupo C para o São Paulo no saldo de gols (5 contra 4), caindo para segundo lugar.

Na próxima rodada, o Ituano recebe o Capivariano, enquanto a Ferroviária viaja mais uma vez, desta vez para São Paulo, onde vai encarar o Palmeiras, no Allianz Parque.

O JOGO

A bola mal rolou e o Ituano abriu o placar logo no primeiro minuto de partida. Após vacilo da zaga, o goleiro Alexandre tentou driblar dentro da grande área. Pressionado por dois jogadores do Ituano, Marcelinho roubou a bola e com o gol livre, empurrou para as redes: 1 a 0.

Após o gol, a Ferroviária conseguiu sair mais pro jogo, mantendo mais a posse de bola, enquanto os donos da casa recuaram para o campo de defesa em busca de um contra-ataque. Apesar da troca de passes sempre no campo de ataque, quase no final do primeiro tempo, o Galo ampliou o marcador.

Aos 40 minutos, em contra-ataque rápido pela direita, Marcelinho fez a inversão de bola, achando Simião, livre, chutar para o gol. A bola passou por de baixo de Alexandre, falhando mais uma vez: 2 a 0.

Aos 45, a Ferrinha quase descontou. Após cruzamento de Igor Julião, a bola chegou para Tiago Marques, livre chutar, mas em cima do goleiro Fábio, rebatendo no atacante e saindo para tiro de meta.

No segundo tempo, o Ituano começou melhor, encurralando a Ferroviária em seu campo de defesa. Porém, foi a Ferroviária quem criou as primeiras chances de gol, e duas de uma vez. Aos 12 minutos, Fábio salvou o Ituano. A primeira chance criada foi pelo atacante Rafinha, que cabeceou livre na área e Fábio espalmou. Na sobra. Caíque soltou a bomba e o goleirão colocou a bola para escanteio.

Com a entrada de Matheus Rossetto no lugar de Renato Xavier, a Ferroviária cresceu no jogo e conseguiu chegar ao gol. Aos 24, em jogada individual, Rossetto chutou de longe e acertou o ângulo de Fábio, marcando um golaço: 2 a 1.

No minuto seguinte, o improvável aconteceu. Após cruzamento de Rossetto, Rafinha cabeceou para o chão, encobrindo o goleiro, que nada pôde fazer: 2 a 2 no Novelli Junior.

Com o empate, a Locomotiva dominou boa parte da partida e quase virou. Aos 30 minutos, Danielzinho saiu cara a cara com Fábio. O meia chegou a cair após toque do goleiro, mas o árbitro nada marcou. Na continuação da jogada, Caíque tocou por cima e Fábio se esticou todo para fazer a defesa e madar a bola para escanteio.

Já aos 33 minutos, a Ferroviária ficou com um a menos. Igor Julião sentiu a parte posterior da coxa direita e saiu de campo. O treinador Sérgio Vieira já havia promovido as três mudanças na equipe. Danielzinho foi improvisado no setor.

E aos 40 minutos, um balde de água fria para as esperanças grenás. Em jogada de contra-ataque, Ruan recebeu a bola nas costas de Danielzinho e chutou no canto direito de Alexandre: 3 a 2.

Aos 43, a Ferroviária quase empatou novamente. Em jogada pelo lado direito da área, Caíque cortou para a perna esquerda e chutou. A bola saiu, tirando tinta da trave.

Já aos 46, Wescley tentou chute forte de fora da área, e Fábio defendeu, garantindo assim, a vitória do Galo sobre a Locomotiva.

FICHA TÉCNICA

ITUANO X FERROVIÁRIA
Data: 25/02/2016, quinta-feira
Horário: 19h (Brasília)
Local: Estádio Novelli Junior, Itu
Árbitro: Marcelo Rogério
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho e Leandro Matos Feitosa
Quarto árbitro: Douglas Marcucci
Publico: 806 pagantes
Renda: R$ 21.060,00
Cartões Amarelos: Igor Julião e Marcão (Ferroviária)
Gols: Marcelinho (1′ do 1º T), Simião (40′ do 1º T) e Ruan (40′ do 2º T) para o Ituano. Matheus Rossetto (24′ do 2º T) e Rafinha (25′ do 2º T)

Ituano: Fábio; Raul Preta, Leonardo Luiz, Naylhor e Peri; Guly (Jonatan), Simião, Rubinho (Guilherme) e Marcelinho; Fernando Viana e Ruan. Técnico: Tarcísio Pugliese

Ferroviária: Alexandre Cajuru; Igor Julião, Luan, Marcão e Thallysson (Rafael Miranda); Renato Xavier (Matheus Rossetto), Juninho e Danielzinho; Rafinha, Tiago Marques (Wescley) e Caíque. Técnico: Sérgio Vieira