“Que os culpados sejam banidos do futebol”, diz Ronaldo Fenômeno, sobre polêmicas

Crédito da foto: Getty Images

O ex-jogador Ronaldo quer que todos os cartolas envolvidos em corrupção no futebol mundial sejam banidos do esporte. Foi isso que o Fenômeno afirmou em entrevista concedida à Rádio Bandeirantes em Boca Ratón, na Flórida, nos Estados Unidos, onde estava para acompanhar o Fort Lauderdale Strikers, time em que é um dos donos, durante a Florida Cup.

LEIA MAIS:
Ex-dirigente do Corinthians detona Del Nero: “Em questão de tempo vai ser banido”
Para Ronaldo Fenômeno, Messi é um extraterrestre

 

 

Questionado sobre o momento delicado que o futebol brasileiro vive fora das quatro linhas, Ronaldo foi direto.

“A gente só espera que tenha mudanças drásticas e que o futebol brasileiro volte a formar grandes jogadores. O momento é muito difícil, a gente tem que aguardar todos os níveis de investigação e torcer para que todos os culpados sejam banidos do futebol”, afirmou Ronaldo, que brilhou com as camisas da seleção brasileira, Real Madrid, Barcelona, Milan, Inter de Milão, Corinthians, entre outros.

Recentemente, o presidente licenciado da CBF, Marco Polo Del Nero, e o ex-presidente da entidade, José Maria Marin, foram citados como envolvidos em esquemas de corrupção na Fifa. Marin está preso em Nova York, nos Estados Unidos. Del Nero se licenciou pela segunda vez do comando da CBF. Atualmente, o presidente em exercício do órgão máximo do futebol brasileiro é Antônio Carlos Nunes de Lima, o coronel Nunes, vice-presidente mais velho da entidade e primeiro na linha de sucessão da Confederação.

Crédito da foto: Getty Images



Jornalista, editor do Torcedores.com. Passagens pelos jornais Metro, O Estado de S. Paulo, Jornal da Tarde, Marca Brasil, Agora São Paulo, Diário de S. Paulo e Diário do Grande ABC.