FOTOS: time espanhol transforma pequeno estádio de atletismo em arena moderna

Projeção de como ficará a nova arena do Atlético de Madrid

O Atlético de Madrid está próximo de concluir a obra de seu novo estádio na capital espanhola. Os Colchoneros, como são conhecidos, estão transformando um antigo estádio de atletismo em uma nova, grande e moderna arena de futebol que vai substituir o Vicente Calderón, localizado em outra região de Madri.

LEIA MAIS
Fox fica sem sinal de jogo do Atlético de Madrid e reprisa vitória do arquirrival

O La Peineta, como é conhecido o estádio original, tinha apenas um lado construído de arquibancadas, com um lance superior e outro inferior, que servia para receber o público para acompanhar as disputas de atletismo. Sua capacidade era de 20 mil pessoas, número que deve chegar a 70 mil com a nova configuração.

O nome oficial do local é Estádio Olímpico de Madrid, e o palco esportivo estava no programa oficial da capital espanhola para sediar os Jogos Olímpicos de 2012, 2016 e 2020. Seria inclusive o lugar que receberia a Cerimônia de Abertura dos Jogos de 2016, que serão realizados no Rio de Janeiro. Madri perdeu para o Rio na última rodada de votação no COI em 2009.

Sem realizar o sonho de ser uma cidade olímpica, Madri desistiu do estádio e o vendeu ao Atlético de Madrid, que passou a ter liberdade de remodelar a arena sem a necessidade de uma pista de atletismo e outros locais de disputa para as Olimpíadas.

A obra começou em 2011 e deve ser concluída este ano. O atraso foi justamente porque Madri concorreu novamente a sediar os Jogos de 2020, mas perdeu há três anos para Tóquio. O antigo anel inferior foi demolido para dar lugar a um setor intermediário de arquibancadas. O setor superior permaneceu intacto.

Novas arquibancadas estão sendo construídas nos outros lados do campo (Norte, Sul e Leste), e o campo foi rebaixado para permitir o surgimento de setores inferiores que aumentarão ainda mais a capacidade da nova arena do Atlético de Madrid.

Confira na galeria abaixo como o estádio foi transformado, como ele era e como ficará:



Editor do Torcedores.com, está no site desde julho de 2014. Formado pela Universidade Metodista de São Paulo, já passou por UOL, Editora Abril e Rede Record. Participou da cobertura da Copa do Mundo de 2014, de dois Pans, dos Jogos Olímpicos de Londres 2012 e do Rio 2016. Também colabora com o ONDDA, site "irmão" do Torcedores.com.