Paulistão: Botafogo-SP pode anunciar argentino como reforço para a temporada

Enquanto alguns jogadores deixam o elenco, outros podem ser novidades no Botafogo. A diretoria do Pantera pode anunciar o atacante argentino Franco Calero, que não chegou a um acordo financeiro e deixou o Rio Claro. O atleta analisa propostas do clube de Ribeirão Preto e do italiano Cagliari.

LEIA MAIS:
Disputado por clubes da A2 e A3, meio-campista chega ao Crac em busca do título
Brasileirão Feminino 2016: São José EC reencontra adversária da goleada em 2015
Filho de Rivaldo vai disputar o Paulistão com equipe do interior

Em entrevista ao repórter Matheus Pezzotti, do jornal Cidade, de Rio Claro, o argentino deixou uma mensagem aos torcedores do Galo Azul e não escondeu a tristeza em deixar o clube. “Infelizmente não cheguei a um acordo com o que o Rio Claro FC havia combinado e, com isso, decidi ir embora, porque tenho outras propostas. Como sou profissional, não posso ficar nesta indecisão. Espero que a torcida entenda a situação e sinto muito em sair, pois queria realmente ajudar a equipe no Paulista e me firmar no futebol brasileiro”, afirma.

A principal arma que a diretoria botafoguense tem a seu favor é a vontade que o atacante tem em disputar o estadual da elite do futebol paulista, que até aceitou a redução salarial no Rio Claro, mas não houve acordo, de acordo com o jornal local Cidade.

“Estou estudando o que será melhor para mim. Deixo o Rio Claro FC e a cidade com muito respeito. Fui muito bem tratado pelos companheiros, dirigentes, jornalistas e amigos. Agradeço principalmente ao Alex Silva, capitão do elenco, que sempre procurou me ajudar de todas as maneiras, e ao diretor de futebol Lucas Madalosso, que também me ajudou com muitas coisas”, ressalta.

Calero está na Argentina e aguarda o andamento das negociações. Segundo informações do jornal, o argentino interessa ao Pantera que, em caso de acerto, deve integrar o elenco tricolor para a disputa do Campeonato Brasileiro da Série C. O Botafogo ainda tem concorrência de clubes europeus pelo atleta.

Foto: Matheus Pezzotti | Jornal Cidade, Rio Claro



Ribeirão-pretano com orgulho e apaixonado por todas as modalidades esportivas. Jornalismo esportivo é uma das paixões que carrego em meu peito. Sonhar é o que mantém o Homem vivo. "O Homem não morre quando deixa de existir, e sim quando deixa de sonhar".