São Paulo tem negociação avançada com duas empresas para cota máster

Camisa do São Paulo, do primeiro uniforme, produzida pela Under Armour. Foto: Divulgacao

O São Paulo quer um patrocinador máster para 2016 e já tem duas empresas com negociações avançadas, para estampar na camisa tricolor. A informação foi confirmada pelo diretor de marketing do clube, Vinícius Pinotti, durante entrevista para o jornalista Jorge Nicola, em sua coluna no Diário de São Paulo.

LEIA MAIS:
Mercado da bola: Fluminense está por detalhes para anunciar Henrique do Napoli

“Estamos em negociação avançada com duas empresas e a expectativa é de bater o martelo até o início do mês de janeiro”, afirma o dirigente são paulino.

As empresas mais cotadas para estampar na camisa do Tricolor Paulista seria a Fiap (Faculdade de Informática e Administração Paulista), além da Joli, loja de material de construção, que estampam a barra inferior da camisa na frente e renderá R$ 3 milhões por ano.

O São Paulo terá direito a trinta cursos de MBA que serão repassados a atletas e também membros da comissão técnica ou funcionários. Já a Joli também pagará R$ 3 milhões para estampar sua marca na barra inferior da camisa.

Segundo o diretor de marketing do Tricolor Paulista, as negociações pelo patrocínio máster devem girar em torno de R$ 25 milhões por ano. Antes o São Paulo pedia R$ 30 milhões/ano, mas com a falta de propostas acabou abaixando a pedida para a cota principal da camisa.

Foto: Divulgação



Radialista, Jornalista com passagens como correspondente pelo site italiano CalcioNews24.com e pelo Arena Rubro-Negra. Atualmente setorista do Fluminense e Futebol Sul-Americano no Torcedores.com