Opinião: Situação do Henrique é patética e clubes não precisam dele

Foto: Reprodução

Henrique está sendo contratado ao mesmo tempo por Fluminense, Flamengo e Grêmio. Será que algum torcedor acredita realmente que ele é um jogador que irá mudar o seu clube ?

O fraco campeonato italiano não está com espaço para Henrique e, certamente no Brasil o jogador não será solução dos problemas de nenhum clube. Caso fosse, o “agressivo” Palmeiras já teria contratado.

LEIA MAIS: 
Mercado da Bola 2016: Grêmio tem trunfo para ganhar concorrência de Flamengo e Fluminense por Henrique
Mercado da bola: Jornal banca chegada de Henrique e Richarlison no Fluminense
Mercado da bola 2016: Grêmio eleva a proposta ao Napoli para ter Henrique

Henrique já era dado como certo no Fluminense, depois no Grêmio, aí o Flamengo entrou na briga. Novamente, agora, estão cogitando no Flu. O presidente do Tricolor Gaúcho em entrevista para a rádio Itatiaia, revelou que está negociando com o jogador e que não tem conhecimendo de outras propostas para ele. Isto no dia 23.

Agora, logo após o Natal, o Grêmio, através de seu presidente Romildo Bolzan, confessou que não irá entrar nesse leilão que estão fazendo com o jogador.

A questão que fica é: Se o futebol italiano, que já não é mais tudo o que foi em outros tempo, não tem espaço para Henrique — que sequer atuou na temporada pela sua equipe Napoli —, o futebol brasileiro tem ? E mais, é necessário esse leilão todo para pagar R$ 10 milhões para um zagueiro em tempos de responsabilidade fiscal que o futebol brasileiro passa ?

Vamos levar o futebol mais a sério pessoal !

Foto: Reprodução