Fabio Capello, ex-técnico do Real Madrid, detona Ronaldo: “Não era um bom exemplo “

MADRID - OCTOBER 22: Ronaldo of Real Madrid during The Champions league match between Real Madrid and AEK Athens at The Bernabeu stadium, Madrid, Spain on october, 22, 2002. (Photo by Stuart Franklin/Getty Images)

O técnico Fabio Capello compareceu no Globe Soccer Awards, em Dubai, e comentou sua passagem pelo Real Madrid e seu relacionamento com o brasileiro Ronaldo fenômeno, na época em que trabalharam juntos no clube merengue. O italiano não poupou criticas ao atacante e detonou sua postura após a Copa do Mundo de 2002.

LEIA MAIS:
Ronaldo escolhe jogador da várzea para reforçar seu time nos EUA
Ronaldo confirma presença em torneio de pôquer nas Bahamas

“Ronaldo foi para a Copa do Mundo do Japão e Coreia, em 2002, com 94 quilos e voltou com 96. Como ele não via problema, eu entendi que deveria vendê-lo, porque não era um bom exemplo dentro do vestiário”, disse Capello.

Depois de todas as críticas, Capello fez questão de destacar a qualidade do fenômeno em campo. “Foi o melhor jogador que eu já treinei na minha carreira”.

Ronaldo deixou o Real Madrid em 2007, quando se transferiu para ao Milan – no meio da temporada. Longe de seu auge e já com alguns quilos a mais, o atacante ficou muito marcado negativamente pela Copa do Mundo de 2006. E mesmo perdendo uma de suas principais estrelas, o clube madrilenho não sentiu falta do camisa 9, e mesmo sem ele, conquistou o Campeonato Espanhol.

Pelo Real Madrid, Ronaldo conquistou:
  • Copa Intercontinental: 2002
  • Supercopa da UEFA: 2002
  • Campeonato Espanhol: 2003, 2007
  • Supercopa da Espanha: 2003

Foto: Getty Images