Briosa fecha parceria com o Santos e deve contar com atletas do Peixe em 2016

Foto: Douglas Teixeira

O ano de 2016 promete ser de novidades para as equipes do litoral paulista. Antes mesmo do ano encerrar, a vida já começa a bater da Portuguesa Santista. Nesta terça-feira (29), em coletiva concedida pelo presidente da Briosa, Lupércio Conde foi anunciado a parceira com o Santos FC. O rubro-verde deve contar com mais de 80% de jogadores do Santos B para a disputa da Segunda Divisão do Campeonato Paulista.

LEIA MAIS:
Ex-goleiro do São Bento fecha com o rival para 2016
Após lesão, goleiro do XV de Piracicaba acredita em volta por cima em 2016
Jornalista revela: “O Eto’o foi fundamental para a escolha da profissão”

Os atletas da segunda equipe do Peixe serão concedidos por empréstimo ao clube do litoral. “Agradeço todo o empenho do presidente Roma em consolidar esta parceria. É o início de uma caminhada para reconduzir o clube para um lugar de onde nunca deveria ter saído”, destaca Conde, que fala sobre a importância da parceria.

Já para Modesto Roma, o importante é colocar a Briosa de volta ao cenário estadual. “O que mais importa nesta parceria é a união dos clubes da cidade, irmanados em busca de um objetivo comum. O objetivo é ajudar a Portuguesa a voltar à série principal do estadual. ”

Segundo o site oficial da Portuguesa Santista, os detalhes que ainda seguem em abertos sobre a parceria serão estabelecidos pelos mandatários de ambos os clubes e o planejamento de 2016 será elaborado por Wladimir Matos, que é diretor de futebol da Briosa, e o técnico Kleiton Lima. A equipe se reapresenta no dia 07 de janeiro.

Para a disputa da Segundona, o novo treinador da equipe vai estudar o perfil de cada atleta para selecionar os que serão inscritos na competição. “Vamos estudar quais atletas se enquadram no perfil desejado para a competição. Mas tudo isso será definido após a volta aos trabalhos do grupo no início do ano”, finaliza.

Foto: Douglas Teixeira



Ribeirão-pretano com orgulho e apaixonado por todas as modalidades esportivas. Jornalismo esportivo é uma das paixões que carrego em meu peito. Sonhar é o que mantém o Homem vivo. "O Homem não morre quando deixa de existir, e sim quando deixa de sonhar".