Veja 8 coisas que só acontecem com o Palmeiras

reproducao internet

É comum escutar por aí, em meio à torcida nas arquibancadas cadeiras do Allianz Parque ou nas mesas de bar, que tem coisas que só acontecem com o Palmeiras. Pois é. Analisando acontecimentos recentes, o Torcedores.com separou alguns exemplos de como a torcida alviverde tem razão. De fato, tem coisa que só acontece com o Verdão. Confira!

LEIA MAIS
Opinião: Palmeiras deverá perder o patrocínio da Crefisa
Patrocinadora do Palmeiras crava: “Flamengo dá muito mais visibilidade”

1) Quando o momento é bom, sempre tem algo para atrapalhar – Típico caso de Lei de Murphy. Quando o Palmeiras começa a arrumar a parte financeira, contrata jogadores, lota o Allianz Parque, chega a duas finais no ano e prevê um ano seguinte muito bom, o presidente do clube se desentende com a patrocinadora Crefisa e gera um clima de intenso mal estar às vésperas da decisão de um título nacional. É mole?

2) Contratação de 25 jogadores e…? – Muitos criticam as contratações de Alexandre Mattos, mas há quem o defenda dizendo que, enquanto esteve no Cruzeiro, contratou 40 (!!!) jogadores e conseguiu dois títulos brasileiros. Só que aí as “coisas que só acontecem no Palmeiras” pesaram: 25 jogadores, uma final de Paulista, lesões, derrocada no Brasileirão e mais uma final de Copa do Brasil. O ano pode até ser “salvo” se o Verdão levar a competição mata-mata, mas que está sendo bem complicado, ah está.

3) Jogador bom que não rende – Alguém duvida da qualidade técnica do Valdívia? Mas em sua segunda passagem pelo Palmeiras, nada. E dos contratados em 2015, por que o Alan Patrick deslanchou em fazer gol no Flamengo quando saiu da Academia? Por que o Egídio, melhor lateral-esquerdo de 2013 e vice em 2014, não joga nada no Verdão? Por que o Alecsandro, mesmo que limitado, no Allianz Parque não faz nem gol de canela? Por que todos queriam Cleiton Xavier e, quando ele chega no clube, não sai do DM? É muito azar. Coisas que só acontecem no Palmeiras.

4) Gols de refugos – Ah, nesse quesito o Palmeiras é campeão. Ou alguém já se esqueceu do gol do Jumar (Meu Deus) do meio da rua, na Sul-Americana de 2011, contra o Vasco? Ou o gol de Ananias na inauguração do Allianz Parque? Ou do Márcio Araújo fazendo gol pelo Flamengo no Maracanã? Aliás, essa foi uma goleada típica que só acontece com o Verdão. Vamos a outro tópico.

5) Viradas humilhantes – Sobre o jogo citado acima, o Palmeiras vencia no 1º tempo por 2-1, quando levou a virada por 4-2 na etapa final, com direito ao Alecsandro conceder entrevista no intervalo dizendo que COM CERTEZA o Flamengo ia virar. E virou, com gol do Márcio Araújo e dois do atual camisa 99 do Palmeiras. Vale lembrar da Mercosul de 2000? Vale. O Verdão vencia por 3-0 e deixou o Vasco virar para 4-3, em pleno Parque Antárctica. Uma das derrotas mais doídas da história do clube.

6) Presidente na praia após rebaixamento – Veja se não é o cúmulo: o time acaba de ser rebaixado e o presidente é visto na praia do Leblon, no Rio de Janeiro, como se nada tivesse acontecido. Taí Arnaldo Tirone engrossando a lista de “causos” que só é possível ver nas alamedas do Palestra. Valeu até uma sátira de uma torcida uniformizada do Palmeiras, que ilustra este post.

7) Suspensão STJD por forçar cartão – É normal no futebol um jogador forçar o terceiro cartão amarelo se souber que não poderá jogar a partida seguinte por convocação pra seleção ou outro motivo de força maior. Até mesmo já teve casos em que o atleta comenta a intenção com a imprensa, mas nada acontece. Mas no Palmeiras… Em 2013, Valdívia assumiu que forçou a advertência e acabou punido pelo STJD. É surreal!

8) Um vexame por ano – Esse tópico é triste, mas é verdadeiro. Desde o ano 2000, ao menos um vexame o Palmeiras sofre na temporada. É incrível, coisa que só acontece com o Verdão mesmo. Abaixo segue levantamento do Torcedores.com:

vexames

A vida do torcedor palmeirense não é fácil, mesmo assim todos seguem apaixonados pelo time. O clube é um dos maiores do Brasil, está entre os principais do mundo, mas sofre muito com essas situações ano após ano. Obra do azar? Difícil saber. A única certeza é que, de fato, tem coisa que só acontece com o Palmeiras.

Foto: Reprodução / Internet