Repórter da Globo tem dia de mecânica na F1 e solta até palavrão

A repórter Mariana Becker, que há anos cobre a Fórmula 1 para a Rede Globo, teve uma experiência bem diferente neste GP do Brasil. A jornalista passou um dia como mecânica da equipe Sauber, que tem entre seus pilotos o brasileiro Felipe Nasr.

LEIA MAIS
Em luto por ataques em Paris, pilotos da F1 realizam desfile em Interlagos

Durante a missão, Mariana teve que arrumar e trocar pneus participar do intenso trabalho de treinamento para paradas nos boxes, ajudar na montagem dos carros, entre outras tarefas básicas para um profissional da principal categoria de automobilismo do mundo, mas jamais de alguém do jornalismo.

A repórter da Globo conseguiu se sair bem e até foi a mais rápida a trocar pneu de um dos carros da Sauber durante os treinamentos, mas em uma falha deixou escapar um palavrão, coberto pelo famoso sinal “piii” dos efeitos sonoros de televisão.

“Um erro meu pode custar milhares de euros para a Sauber”, destacou Mariana durante a reportagem, em referência ao alto custo das peças que formam um carro de Fórmula 1.

No fim da reportagem, Mariana brincou com Nasr e perguntou se poderia ser contratada pela Sauber. Em tom de brincadeira, o piloto brasileiro respondeu que sim, mas que preferia que ela trabalhasse no carro do companheiro, Marcus Ericsson.

Foto: Reprodução/TV Globo



Editor do Torcedores.com, está no site desde julho de 2014. Formado pela Universidade Metodista de São Paulo, já passou por UOL, Editora Abril e Rede Record. Participou da cobertura da Copa do Mundo de 2014, de dois Pans, dos Jogos Olímpicos de Londres 2012 e do Rio 2016. Também colabora com o ONDDA, site "irmão" do Torcedores.com.